Esportes

Terry volta a ser capitão permanente da seleção inglesa

Da Redação ·
Após um ano de "castigo", o zagueiro John Terry foi novamente alçado à condição de capitão permanente da seleção inglesa pelo técnico Fabio Capello. Rio Ferdinand, que estava com a braçadeira desde fevereiro passado, parece não ter gostado nada de perdê-la. Capello tentou um encontro com Ferdinand no meio de semana, quando o Manchester jogou contra o Olympique pela Liga dos Campeões. O zagueiro, que, machucado, não participaria do jogo, se recusou a conversar com o treinador. Terry havia perdido a braçadeira depois de ter o seu nome envolvido em um escândalo, há pouco mais de um ano. Na época, os tabloides ingleses divulgaram que ele havia se relacionado com a noiva de um companheiro seu de seleção e de Chelsea. "Logo depois do que aconteceu, decidi que John Terry, depois de um ano de castigo, voltaria a ser o capitão permanente. Ele entendeu seu erro e aprendeu com isso. Será um capitão muito importante para nós porque quando o elegi eu sabia que era um líder", explicou Capello.
continua após publicidade