Esportes

Nadal sofre, mas vence e vai à semifinal nos EUA

Da Redação ·
 Rafael Nadal conseguiu vencer por 2 sets a 1
fonte: Getty Images
Rafael Nadal conseguiu vencer por 2 sets a 1

O espanhol Rafael Nadal sofreu, mas garantiu vaga nas semifinais do Torneio de Indian Wells, nos Estados Unidos, ao vencer o croata Ivo Karlovic por 2 sets a 1, com parciais de 5/7, 6/1 e 7/6 (9/7), após 2h24min, em confronto encerrado na madrugada desta sexta-feira.


Com o resultado, o líder do ranking mundial jogará por uma vaga na decisão contra o argentino Juan Martin del Potro, que contou com a desistência do espanhol Tommy Robredo, na última quinta, para avançar à semifinal.


O tenista número 1 do mundo penou com a eficiência do saque do gigante adversário, que tem 2,08m de altura e aplicou 23 aces. Forte no fundamento, Karlovic confirmou os seus serviços, quebrou o saque de Nadal no 11.º game e depois serviu para fechar a primeira parcial em 7/5.


No segundo set, porém, Nadal logo de cara obteve uma quebra de saque e passou a dominar totalmente o confronto, chegando a abrir 5 a 0, antes de ceder um único game ao croata, derrotado por 6 a 1 na parcial.


No terceiro set, entretanto, Karlovic voltou disposto a complicar a vida do espanhol e, mostrando novamente muita força no saque, confirmou os seus serviços, assim como Nadal, fato que levou a disputa ao tie-break. No desempate, o espanhol se mostrou mais consistente no início e abriu 5 a 2, mas o croata reagiu, empatando em 5 a 5 e depois em 6 a 6, antes de Nadal desperdiçar dois match points antes de fechar o confronto em 9/7.


Essa foi a quarta vitória em quatro jogos de Nadal contra Karlovic. Diante de Del Potro, rival da semifinal, o espanhol ostenta uma pequena vantagem no retrospecto, com quatro vitórias e três derrotas, mas o argentino levou a melhor nos últimos três duelos entre os dois, todos disputados em 2009 e em piso duro.


A outra semifinal de Indian Wells começará a ser definida nesta sexta-feira com os confrontos entre o sérvio Novak Djokovic e o francês Richard Gasquet e entre os suíços Roger Federer e Stanislas Wawrinka.

continua após publicidade