Esportes

São Paulo exalta gols e topo após vitória sem brilho

Da Redação ·
O fato de o São Paulo não ter conseguido mostrar um grande futebol na vitória por 2 a 0 sobre o Ituano, na última quinta-feira à noite, no Morumbi, foi deixado em segundo plano após o confronto. O técnico Paulo César Carpegiani e os jogadores do time admitiram que a equipe não teve uma boa atuação, mas os dois belos gols marcados e a consequente liderança do Campeonato Paulista foram exaltados acima de tudo. "Os dois gols foram as coisas boas da partida. Foram muito bonitos. As duas equipes jogaram quase iguais. Mas teve estes dois lances pinçados. Uma arrancada belíssima do Jean e no segundo (gol) uma troca de passes muito boa. O Willian não foi ganancioso e facilitou o jogo", afirmou o treinador são-paulino. Willian José foi elogiado por ter participado dos dois gols do São Paulo, primeiro tabelando com Jean na jogada do primeiro, e depois deixando Dagoberto livre para marcar o segundo. O goleiro Rogério Ceni, por sua vez, ressaltou que o São Paulo cumpriu a sua meta diante do Ituano. "O nosso objetivo principal era vencer e chegar na liderança. Agora temos mais tranquilidade para trabalhar. Vamos continuar treinando para melhorar no domingo contra o Santo André (novamente no Morumbi, pela 13.ª rodada do Paulistão). Não fizemos um bom jogo, mas conseguimos os três pontos. Temos esta consciência", enfatizou o capitão do time. Ceni, porém, cobrou continuidade ao São Paulo, lembrando que o objetivo agora é permanecer na ponta. "É sempre bom ser primeiro lugar. Não acaba aqui a fase classificatória, mas é bom ser líder. Temos de viver este momento e jogar a próxima rodada defendendo a nossa liderança", acrescentou. Autor do segundo gol são-paulino, Dagoberto seguiu a linha de discurso de Carpegiani e Rogério Ceni. "Este era um objetivo traçado nosso. Fomos felizes e conseguimos a vitória e também a liderança. Com tranquilidade e trabalho sério as coisas estão acontecendo. Hoje (quinta-feira) valeu pela dedicação da equipe", comemorou. JEAN VIBRA - Já Jean deixou o gramado do Morumbi festejando o fato de ter marcado gol pelo segundo jogo seguido no Paulistão e por estar se firmando novamente na posição de volante, após atuar por um bom tempo improvisado como lateral no São Paulo. Ele já contabiliza três gols no ano, igualando o número marcado em toda a temporada de 2010. "Meu segundo gol em dois jogos. Nunca estive melhor aqui no São Paulo. Estou muito mais maduro e confiante. De volante eu conheço mais. Agora tenho mais confiança de sair para o jogo. O importante é fazer gol, não importa a perna", ressaltou.
continua após publicidade