Esportes

Dinei sofre grave lesão e desfalca Palmeiras por 3 meses

Da Redação ·
O atacante Dinei fraturou o quadril e ficará afastado dos gramados por cerca de três meses. Com o tempo para recuperação da forma física, este prazo deve ser estendido para quatro meses, o que faria com que o jogador ficasse de fora até o final do Campeonato Paulista. "São coisas do futebol, às vezes não dá nem para acreditar. Quando recebi a notícia, não queria realmente acreditar. Fico triste por ficar tanto tempo de fora, mas espero me recuperar logo. Sei que o Palmeiras vai oferecer toda a estrutura necessária e, mesmo de longe, vou continuar torcendo pelos meus companheiros", lamentou. O atacante contundiu-se na derrota no clássico diante do Corinthians, no último domingo, quando se chocou com seu companheiro Tinga. Na última segunda-feira, ele passou por exames que comprovaram a gravidade da lesão. Dinei não deverá ser operado, mas um procedimento cirúrgico não está inteiramente descartado. "Nós temos quase certeza que não será necessário. Vamos ficar atentos se nos próximos 15 dias ele vai apresentar alguma instabilidade na região do quadril. Se isso acontecer, vamos fazer novas avaliações e é provável que precise de cirurgia. Mas como não teve nenhum tipo de desvio no local, acho que não será necessário", explicou o médico do clube, Vinícius Martins. No choque que contundiu Dinei, Tinga também acabou se lesionando. Ele sofreu uma torção no tornozelo e se tornou dúvida para o confronto diante do Americana, neste sábado, no Pacaembu, pela oitava rodada do Campeonato Paulista. "A lesão dele foi normal, apenas um entorse. Vamos acompanhar durante a semana, ainda temos muitos dias para o dia do jogo", explicou Martins.
continua após publicidade