Esportes

Dossiê da unificação: brecha para títulos em 1920 e 1937

Da Redação ·
 Jogo do título de 1937
fonte: Divulgação
Jogo do título de 1937

O dossiê entregue à CBF pela unificação dos títulos brasileiros a partir de 1959 pode abrir brecha para que dois torneios anteriores também sejam reconhecidos como campeonatos nacionais. As competições, disputadas em 1920 e 1937, possuem as características semelhantes às da Taça Brasil e do Torneio Roberto Gomes Pedrosa, cujos vencedores, ainda esta semana, poderão ser reconhecidos como campeões brasileiros.
 

continua após publicidade

O caso mais interessante é o de 1937. No início daquele ano, foi disputado o Torneio dos Campeões de 1936, organizado pela Federação Brasileira de Football (FBF), embrião da Confederação Brasileira de Desportos (CBD), atual CBF. Segundo o próprio dossiê, ao qual o LANCENET! teve acesso com exclusividade, o objetivo da competição era "definir um campeão nacional".
 

A FBF convidou clubes de todo o Brasil, mas apenas quatro aceitaram participar: Atlético-MG, Fluminense, Portuguesa e Rio Branco-ES. Disputado no sistema de pontos corridos, em dois turnos, o torneio teve como vencedor o Galo.

continua após publicidade


O Dossiê

"O primeiro campeonato nacional de clubes oficial, já que foi organizado pela Confederação Brasileira de Desportos, ocorreu em agosto de 1920, no Estádio das Laranjeiras, ou Estádio de Álvaro Chaves, de propriedade do Fluminense Football Club(...)"

O Paulistano, campeão do Torneio dos Campeões de 1920, é apontado como "primeiro campeão nacional".
 

continua após publicidade

"Em 1936, a CBD organizou o 'Torneio dos Campeões Estaduais', cujo objetivo era definir um campeão nacional. Participaram Fluminense, Atlético Mineiro, Portuguesa de Desportos e, representando o Estado do Espírito Santo, o Rio Branco. Foram também convidados, mas não enviaram representantes os Estados de Minas Gerais, Rio Grande do Sul e do Nordeste.
 

Vencedor em 1937, o Galo teria conquistado o título em 1936, segundo diz equivocadamente o documento, que também erra ao
afirmar que não houve representante de Minas Gerais.Sul e do Nordeste."

Na época, a imprensa esportiva exaltou a conquista. O "Jornal dos Sports" escreveu: "O Athletico levantou o título de campeão do primeiro certame entre clubes campeões regionais que a Federação Brasileira de Football instituiu para o corrente ano".
O diário "A Noite" destacou a importância da competição, como "o título máximo da FBF".
 

Assim como a Taça Brasil e o Robertão, o Torneio dos Campeões permaneceu vivo na memória dos torcedores durante décadas.
 

continua após publicidade

– É bicampeão! Um timaço, um timaço (o de 1937) – afirmou ao "Jornal do Brasil" o folclórico torcedor José Gomes Ribeiro, o Sempre, após o Atlético-MG conquistar o título do Brasileirão de 1971, em dezembro daquele ano.
 

Primeiro Brasileirão

Em agosto de 1920, foi disputado o que seria o primeiro campeonato nacional de clubes. Organizado pela FBF, o torneio reuniu os campeões carioca (Fluminense), gaúcho (Brasil-RS) e paulista (Paulistano). Este último acabou campeão, vencendo suas duas partidas no triangular. O Paulistano encerrou suas atividades futebolísticas em 1929.