Esportes

Com gols de Elias e Dentinho, Corinthians vence o São Paulo

Da Redação ·
 Elias comemora após abrir o placar para o Corinthians contra o São Paulo ainda no primeiro tempo do clássico no Morumbi
fonte: Google Imagem
Elias comemora após abrir o placar para o Corinthians contra o São Paulo ainda no primeiro tempo do clássico no Morumbi

A boa fase na ‘era’ Paulo César Carpegiani e o Morumbi cheio não foram suficientes para o São Paulo encerrar um jejum de 44 meses sem vitória diante do Corinthians. Na tarde deste domingo, Elias e Dentinho balançaram a rede, o time alvinegro venceu por 2 a 0 e aumentou para 11 o número de clássicos sem perder para o rival tricolor.

continua após publicidade

Com o terceiro triunfo em quatro partidas sob o comando de Tite, o clube de Parque São Jorge soma 60 pontos e assume provisoriamente a liderança. Fica agora na torcida para o Fluminense não vencer o Vasco no fechamento da 34ª rodada.

Já os são-paulinos não repetiram o bom futebol das últimas rodadas e sofreram o segundo revés em sete jogos com Carpegiani. Aparecem na tabela com 50 pontos, e a missão de buscar uma vaga na Libertadores de 2011 fica cada vez mais difícil.

continua após publicidade

As duas equipes demoraram para engrenar, sob o forte sol da capital paulista. Mesmo fora de casa, os corintianos começaram melhores na partida. Procuraram cadenciar o jogo do meio para trás e aceleravam o ritmo quando se aproximavam da área adversária.

Já os donos da casa atacavam mais pelas laterais, principalmente pelo lado direito, com Jean e Lucas.

A superioridade alvinegra resultou em quatro finalizações até os 30 minutos, duas delas de Ronaldo, que errou o alvo de fora da área. O Fenômeno procurava aparecer distante dos zagueiros, em um buraco entre a defesa e o meio-campo.

Nos 15 minutos finais do primeiro tempo, o duelo ficou movimentado. O São Paulo quase marcou por duas vezes em jogadas bem trabalhadas pela direita, mas Julio Cesar fez boas defesas. O Corinthians respondeu em uma cobrança de falta de Chicão, e Rogério Ceni voou para mandar pela linha de fundo.

continua após publicidade

Aos 40min, Jucilei percebeu a penetração de Elias nas costas do lateral-esquerdo Diogo e fez a assistência. O camisa 7 alvinegro invadiu a área sozinho e chutou forte, no ângulo.

“O Rogério fechou bem o ângulo. Eu meio que fechei o olho e chutei”, comentou o corintiano, na saída para o intervalo.

“Aceitamos um pouco a pressão do Corinthians”, analisou Ricardo Oliveira. “Estamos deixando o meio-campo do Corinthians jogar”, endossou Rodrigo Souto.

continua após publicidade

Na volta para o segundo tempo, Carpegiani mudou completamente a formação são-paulina. Os jovens Diogo e Casemiro deram lugar a Jorge Wagner, que jogou improvisado na lateral esquerda, e Ilsinho. Jean virou volante.

O conjunto da casa passou a ter mais volume de jogo e conquistou o apoio dos torcedores. Ao time de Tite restou se defender e explorar os contra-ataques.

Marlos ainda entrou no lugar de Fernandão para dar mais velocidade ao sistema ofensivo, porém sem sucesso.

Aos 40min, os visitantes envolveram o rival na base da troca de passes. Alessandro foi à linha de fundo e rolou para trás. Ceni não consegue cortar e Dentinho aparece na pequena área para mandar para o gol vazio e fechar o placar.