Esportes

Kleber detona arbitragem: 'Beltrame gosta de aparecer'

Da Redação ·
 Com o terceiro cartão amarelo, Kleber está suspenso contra o Atlético-PR
fonte: Tom Dib
Com o terceiro cartão amarelo, Kleber está suspenso contra o Atlético-PR

A noite de domingo foi quente na Arena Barueri. Não bastasse o Palmeiras ter vencido o Goiás tomando sustos no final, e um grupo de repórteres ter organizado protesto pacífico contra Luiz Felipe Scolari pelas atitudes da última quarta-feira - o treinador palmeirense nem chegou a comparer na coletiva de imprensa desta vez -, o atacante Kleber aproveitou o ambiente tumultuado para criticar com veemência o árbitro da partida, Djalma Beltrame (RJ), a quem ele atribuiu boa parte do "nervosismo" do jogo:  

continua após publicidade

- Infelizmente tomei cartão, e foi num lance que não precisava. Esse árbitro, para mim, é horrivel. Não apitaria mais depois do que fez em Grêmio e Náutico - afirmou o camisa 30 palmeirense, relembrando o famoso episódio da Batalha dos Aflitos em 2005, quando o Grêmio teve 4 jogadores expulsos por Beltrame e mesmo assim venceu o Náutico em Recife, carimbando sua passagem de volta à Série A.  

- Às vezes acontece isso (ser perseguido pelos juízes). Aí vem árbitro e acha que manda, e quer xingar, quer brigar. Joguei uma bola para fora e ele gritou para não ficar nem perto. Ele (Beltrame) gosta de aparecer, é lamentável - disse Kléber, que até estabeleceu uma comparação entre a arbitragem controversa de Marcelo de Lima Henrique, responsável pela partida da Copa Sul-Americana entre Atlético-MG e Palmeiras na quarta-feira, e Beltrame:  

continua após publicidade

- Lá, ele (Marcelo de Lima) errou bastante, prejudicou, mas pelo menos tentou manter nível de conversa. Já esse aqui desde o começo deixou o jogo nervoso, quis xingar jogador. Isso não é legal - queixou-se duramente, sem se importar com possíveis represálias.  

- É ditadura agora? Não posso falar o que penso? É minha opinião.

continua após publicidade

O terceiro cartão amarelo contra os goianos tirou Kleber do importante jogo contra o Atlético Paranaense na Arena da Baixada, na próxima quarta-feira, partida válida pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. Mesmo com fama de "irritadinho", o artilheiro palmeirense finalizou a entrevista coletiva afirmando que gosta de alguns árbitros do futebol brasileiro, a despeito de suas constantes reclamações:  

- Tem vários árbitros que gosto, Héber (Roberto Lopes), (Leandro) Vuaden, Paulo César (de Oliveira). Tem muitos arbitros bons - admitiu.