Esportes

Chefão da F-1 coloca em dúvida realização do GP da Bélgica

Da Redação ·

Depois da dúvida envolvendo a realização do Grande Prêmio da Coreia do Sul, confirmado para este final de semana, agora é o tradicional GP da Bélgica que sofre o risco de deixar o calendário da Fórmula 1.

continua após publicidade

Chefão da categoria, Bernie Ecclestone apontou a corrida em Spa-Francorchamps como uma das ameaçadas a saírem do esporte para a entrada das etapas dos Estados Unidos e da Rússia.

continua após publicidade

- É claro. Se a corrida não for apoiada pelo governo belga, ela não poderá ser realizada porque os organizadores não terão condições de pagar as taxas para manter Spa no calendário. É a mesma situação do GP da Inglaterra, em Silverstone.

continua após publicidade

Umas das questões envolvendo o caso seria que os novos circuitos que substituem os clássicos são apontados como monótonos, à exceção do traçado de Istanbul Parl, na Turquia - sendo todos projetados pelo alemão Hermann Tilke. Outro impasse para Spa seria a pouca procura por ingressos.

- Nosso problema é que estamos tentando construir circuito superseguros. Não dá para conseguir subidas e descidas em todos os lugares por questões de engenharia. Mas um dos melhores circuitos do mundo é o da Turquia. É sensacional e tem variedade no relevo.