Esportes

Grêmio vence Cruzeiro e ameaça liderança do Brasileirão

Da Redação ·
 Artilheiro do Brasileiro com 20 gols, Jonas voltou a ser decisivo a favor do Grêmio
fonte: Do UOL
Artilheiro do Brasileiro com 20 gols, Jonas voltou a ser decisivo a favor do Grêmio

Em um jogo tenso, o Grêmio manteve vivo o sonho de se classificar para a Libertadores 2011 ao vencer o Cruzeiro, de virada, por 2 a 1, neste domingo. Os comandados de Renato Gaúcho saíram atrás, mas brilhou a estrela do técnico e de Jonas na virada gaúcha. Enquanto o time portoalegrense manteve a boa fase e a invencibilidade de oito jogos o líder do campeonato pode perder seu posto por marcar passo na 31ª rodada.

continua após publicidade

Com 54 pontos, o time mineiro pode ser ultrapassado pelo Fluminense, que joga às 18h30. Caso os cariocas vençam, assumem a liderança do Brasileiro. Já o Grêmio comemora ter reduzido a distância para o terceiro colocado. Com o empate do Corinthians, somente quatro pontos separam o Grêmio do sonhado G-3. Em 7ª, os gaúchos somam 46 pontos, enquanto o Corinthians tem 50.

Apoiado por mais de 40 mil torcedores, o Grêmio começou no ataque. O jogo era aberto e a qualidade do Cruzeiro aparecia nos contragolpes. Qualquer prognóstico inicial seria precipitado, o que promovia a tensão no Olímpico.

continua após publicidade

As principais chances de gol até os 25 minutos do primeiro tempo ocorreram com Lúcio, de fora da área, e Jonas, que até marcou mas estava impedido. A defesa do Grêmio conteve bem os avanços de Montillo e não foi ameaçada no início da partida. Porém, em um único momento de liberdade, o argentino recebeu um belo lançamento de Léo, tentou o chute, pegou o rebote, cortou Fábio Santos e chutou no contrapé de Victor para abrir o placar em Porto Alegre.

A melhor defesa do Brasileirão brilhou em campo. A artilharia do Grêmio, autora de 14 gols nos últimos quatro jogos, não conseguia vencer a barragem comandada por Léo e Edcarlos. Do meio para frente, o atual dono da primeira posição do certame nacional seguiu apostando em Montillo, que após o gol ganhou moral e passou a comandar o time visitante, melhor na partida.

Quando o Grêmio já lamentava virar o primeiro tempo perdendo, um rebote recolocou o time gaúcho na partida. Douglas descobriu Jonas, que tentou o gol de dentro da área, Fábio fez boa defesa e a bola sobrou para Júnior Viçosa marcar em sua estreia.

continua após publicidade

Brilha a estrela de Renato Gaúcho

No segundo tempo, Renato Gaúcho colocou Gilson na vaga de Fábio Santos pensando em fortalecer o ataque pelo lado esquerdo. A partida continuou aberta, com os gaúchos em leve vantagem. Douglas passou a comandar as jogadas de meio-campo enquanto o Cruzeiro se retraiu.

A substituição deu certo e aos 27 minutos, Gilson foi derrubado dentro da área e Paulo César Oliveira apontou pênalti. O artilheiro do Brasileirão bateu forte e venceu Fábio, mas o juiz mandou voltar. Na segunda cobrança o lado foi repetido. No canto direito a bola parou na rede. Foi o 20º gol do artilheiro do campeonato nacional.

continua após publicidade

O Cruzeiro foi para cima e deixou espaços na defesa. Cuca colocou Roger e Farías para buscar o resultado, mas foram do Grêmio as principais chances. Júnior Viçosa e Douglas deixaram de marcar o terceiro gol gremista. A pressão visitante ficou mais forte até o último minuto de jogo, mas não foi suficiente e o 2 a 1 deu números finais ao jogo.

Na próxima rodada, Grêmio e Cruzeiro enfrentam clássicos estaduais. Os gaúchos recebem o Internacional, no Olímpico, às 18h30. No mesmo dia e horário, os mineiros duelam com o Atlético-MG, em Uberlândia.