Esportes

Felipão aprova desempenho do Palmeiras na Bolívia

Da Redação ·
 O técnico Felipão não deixou de reclamar da arbitragem
fonte: googleimagens.com
O técnico Felipão não deixou de reclamar da arbitragem

O Palmeiras resistiu à torcida contra, à altitude de 2.800 metros e à pressão do Universitário para sair com a vitória de Sucre, na Bolívia, na noite desta quinta-feira. O resultado garante a classificação ao time em caso de empate no jogo de volta, na próxima quarta, na Arena Barueri.

continua após publicidade

A vantagem conquistada fora de casa foi exaltada pelo técnico Luiz Felipe Scolari, que pôde iniciar a adaptação do time ao ar rarefeito de Sucre no domingo. "Valeu a pena o esforço de vir no domingo. Tivemos alguma sorte, pois o time do Sucre teve duas ou três chances vivas de gol", aprovou o treinador.

continua após publicidade

Felipão, contudo, não deixou de reclamar da arbitragem. O juiz falhou em pelo menos um lance decisivo, quando anulou equivocadamente o gol de Lincoln, o segundo do Palmeiras, nos minutos finais da partida. "Podemos reclamar do impedimento e do pênalti do Rivaldo", disse o técnico. "Mas não saímos daqui classificados", ponderou.

Para o jogo de volta, na quarta, Felipão terá pelo menos duas preocupações. Valdivia e Pierre sentiram dores e precisaram ser substituídos durante a partida. O meia era dúvida antes do confronto por conta de um desconforto na coxa esquerda nos treinamentos. Ele deverá ser reavaliado pelos médicos do clube assim que a delegação palmeirense desembarcar em São Paulo, na sexta.