Esportes

Ganso diz que queria a volta de Dorival Júnior ao Santos

Da Redação ·

Em sua primeira entrevista coletiva após a cirurgia no joelho, o meia Paulo Henrique Ganso afirmou que não concordou com a saída do técnico Dorival Júnior. Companheiro e amigo de Neymar no Santos, Ganso lamentou os atos de indisciplina do atacante que geraram polêmica no clube e causaram a demissão de Dorival.

continua após publicidade

"Preferia que Dorival Júnior voltasse, mas como não é possível, os que estão sendo falados já mostraram qualidade e espero que o que vier possa ajudar o Santos", declarou o meia, que admitiu ter ficado decepcionado com a saída do treinador. "A saída de Dorival me deixou um pouco triste", confessou.

continua após publicidade

Para o jogador, o episódio de indisciplina serviu para o aprendizado de Neymar. "Foi uma situação que chateou a todos - jogadores, dirigentes e Dorival -, mas acho que Neymar aprendeu. É o que ele vem demonstrando em campo", declarou. "Ele admitiu ter errado e aprendeu com tudo isso".

continua após publicidade

Longe dos gramados, Ganso revelou que tem acompanhado a evolução do time nas últimas rodadas do Brasileirão. "O Santos cresceu muito depois das vitórias contra o Fluminense e do Atlético-PR agora precisamos ganhar do Internacional [na quarta-feira] e do São Paulo [domingo] para aumentar as nossas chances de conquistar o título", comentou.

O meia está afastado dos gramados há quase 50 dias. Ganso, que completará 21 anos na terça, rompeu o ligamento cruzado anterior do seu joelho esquerdo e precisou ser submetido a uma cirurgia no local. Desde então, vem fazendo fisioterapia para ajudar o Santos na Libertadores em 2011.

continua após publicidade

A grave contusão já causou prejuízos ao jogador. Enquanto o companheiro Neymar teve o salário mensal reajustado para mais de R$ 500 mil, Ganso continua ganhando os mesmos R$ 150 mil (teto do clube) porque ainda não houve acordo para que o seu projeto passe a valer. A ideia do clube é dar aumento, menos do que o de Neymar, ao meia com recursos da exploração da sua imagem em campanhas de publicitárias. "Ainda não houve acordo, mas espero que haja".