Esportes

São Paulo busca 2ª vitória seguida para alimentar sonho

Da Redação ·

A Libertadores é a competição que o são-paulino mais gosta de disputar e o torcedor não esconde isso de ninguém. Três vezes campeão do torneio mais nobre do continente, o time tricolor participou das últimas sete edições e, mesmo na modesta 10ª colocação do Campeonato Brasileiro, ainda mantém vivo o improvável sonho de ficar entre os três melhores do torneio para, assim, garantir a vaga na próxima Libertadores. E para continuar na briga Paulo César Carpegiani não pensa em outro resultado que não seja a vitória neste sábado, às 18h30, contra o Prudente, no Estádio Eduardo José Farah. "Temos de vencer ou vencer. O empate não nos interessa", afirmou.

continua após publicidade

Restando dez rodadas para o término do Brasileirão, o São Paulo tem 38 pontos, 11 a menos do que o Corinthians, terceiro colocado com um jogo a menos. Comedido, o treinador evitar falar sobre Libertadores, mas acredita que com uma vitória hoje pode começar a incomodar os rivais que estão na parte de cima da tabela. "Precisamos vencer para colocar o pessoal que está lá na frente na nossa mira, aí veremos o que vai acontecer. De um clube com a grandeza do São Paulo não se pode duvidar nada", ressaltou.

continua após publicidade

Para evitar surpresas em Presidente Prudente, Carpegiani quer sufocar o lanterna desde o início do jogo, sem dar espaços para o rival já em seu campo de defesa. Ele armou o time com Marlos, Lucas, Fernandinho e Ricardo Oliveira na frente e no treino desta sexta pela manhã no CT da Barra Funda insistiu para que seus atletas pressionassem a saída de bola do adversário. A todo instante, o técnico parava o coletivo para acertar o posicionamento do jogadores do ataque titular quando a defesa reserva estava com a bola. "Tenho de montar a equipe para jogar em função do gol. Precisamos buscar incessantemente o gol", justificou.

continua após publicidade

Apesar da formação bastante ofensiva, o treinador também pediu que o quarteto ajude na marcação. "É possível montar um time dessa forma, mas todos têm de participar. Não podemos ficar com quatro jogadores na frente sem participar do jogo. É simples, basta um pouco de entrega e dedicação."

Outro pedido de Carpegiani foi que os atletas buscassem jogadas de efeito. Foi por essa razão, inclusive, que ele sacou Carlinhos Paraíba e escalou Marlos entre os titulares. "Pelas suas características, o Marlos pode decidir o jogo em uma jogada individual", explicou. Outro que deve arriscar mais é Lucas.

continua após publicidade

Na lateral esquerda, Richarlyson volta após cumprir suspensão diante do Vitória. Mesmo com a boa atuação do garoto Diogo contra os baianos, o treinador optou pelo retorno de Richarlyson para dar mais consistência à defesa. Suspenso pelo acúmulo de cartões, Dagoberto está fora do jogo. Para compensar, Ricardo Oliveira volta.