Esportes

Neymar pode se queimar, diz New York Times

Da Redação ·
 Para o jornal norte-americano, Neymar precisa ter cuidado para não se queimar antes de deixar o Brasil
fonte: Ricardo Saibun/Gazeta Press
Para o jornal norte-americano, Neymar precisa ter cuidado para não se queimar antes de deixar o Brasil

As polêmicas de Neymar no Santos ainda repercutem em todo o mundo. Uma semana após a demissão de Dorival Júnior do comando do Santos, o jornal norte-americano The New York Times publicou uma matéria que alerta para o risco do atacante prejudicar sua carreira, com o título: Uma jovem estrela e o risco de se queimar.

continua após publicidade

O jornal lembra que o mundo inteiro fica de olho no nascimento de novos craques brasileiros. Os jovens acertam suas transferências para o futebol europeu e atingem sua evolução em outras ligas. Os exemplos mais recentes são André (Dynamo de Kiev), Alexandro Pato (Milan) e Philippe Coutinho (Inter de Milão).

continua após publicidade

Os três jogadores citados acima foram convocados para defender a seleção brasileira no amistoso contra o Irã e Ucrânia, em outubro. Porém, Neymar ficou de fora da lista do técnico Mano Menezes.

continua após publicidade

A publicação norte-americana lembra que o atacante não foi chamado devido ao seu comportamento nas duas últimas semanas quando se envolveu em uma confusão com o então técnico da sua equipe, Dorival Júnior.

Para o New York Times, Neymar corre o risco de se queimar antes de deixar o Brasil para brilhar na Europa. O jornal explica que o jovem joga pelo Santos, mesma equipe pela qual se destacou Pelé, e afirma que apesar do pedido do Rei para que o jogador permaneça na Vila Belmiro, Neymar deve sair do clube na próxima janela de transferências.

continua após publicidade

Dinheiro seria só uma parte desse problema. O atacante, que pode comparar seu início de carreira com a de Pelé e de Maradona, por ser capaz de zombar de qualquer adversário com a sua habilidade com a bola nos pés, precisa saber que o caminho do sucesso tem várias armadilhas.

continua após publicidade

O jornal afirma que o ato de rebeldia de Neymar poderia ter sido resolvido internamente, porém, como ele é um jovem craque, todas as câmeras estão voltadas para ele. O país inteiro critica, debate e elogia o jogador, porém tem medo que Neymar desenvolva hábitos mais parecidos com os de Maradona do que com os de Pelé.

A atitude de Neymar de usar o Twitter (rede social) foi encarada com naturalidade pelo New York Times, que afirma que o atacante fez a mesma coisa que os jovens da sua idade fazem.

No fim, a publicação afirma que o destino do jogador deve ser o Chelsea, da Inglaterra, ou a Juventus, da Itália, país onde já atuam Pato e Coutinho. Os três são apontados como os principais nomes da seleção brasileira para a Copa do Mundo de 2014.