Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Esportes

Com defesas de Victor, Atlético-MG supera Figueirense nos pênaltis e avança na Copa do Brasil

.

BELO HORIZONTE, MG (UOL/FOLHAPRESS) - O Atlético-MG entrou em campo com uma grande vantagem, por ter vencido o Figueirense por 1 a 0, em Florianópolis. Mas o time alvinegro não soube fazer valer o mando de campo, no Independência, e quase foi eliminado da Copa do Brasil. A equipe dependeu dos pênaltis após derrota por 2 a 1 no tempo normal nesta quarta-feira. E o triunfo se deve ao goleiro Victor, que foi o salvador com duas defesas.

O Atlético entrou em campo de luto, pela morte de Bebeto de Freitas, que teve uma parada cardíaca na Cidade do Galo. O diretor de controle e administração do clube foi bastante homenageado. O time jogou todo de preto e na camisa de cada um estava escrito no nome de Bebeto, logo abaixo da marca do patrocinador. A torcida do Galo também fez sua homenagem, transformando o minuto de silêncio em minuto de aplausos.

Apesar de atuar como visitante, o Figueirense se portou em campo como se fosse mandante, pelo menos até os 21 minutos da etapa inicial, quando abriu o placar. Zé Antônio cobrou falta de muito longe, no meio do gol, e Victor aceitou. O goleiro do Atlético posicionou mal a barreira e ainda foi de forma estranha para a bola.

O começo de jogo do Atlético não foi bom. Porém, o time conseguiu reagir logo após sofrer o gol do Figueirense. Após erro na saída de bola do time catarinense, Adilson achou Ricardo Oliveira dentro da área, e o atacante bateu de canhota, sem chances para Denis, aos 25min. O placar devolveu tranquilidade à equipe mineira, que melhorou consideravelmente após o gol de empate.

Apesar de precisar de um gol para levar a decisão para a disputa de pênaltis, o Figueirense não conseguiu pressionar o Atlético e nem mesmo criar chances de gol.

No segundo tempo, porém, em mais uma falha da defesa atleticana, o time de Santa Catarina marcou o segundo gol. Jorge Henrique aproveitou uma bola mal afastada por Leonardo Silva e bateu sem chances para o goleiro Victor, aos 25min.

Com a decisão da vaga indo para os pênaltis, Jorge Henrique e Diego Renan tiveram suas cobranças defendidas por Victor. O Atlético-MG converteu seus quatro chutes e se garantiu na quarta fase.

Com a classificação à quarta fase da Copa do Brasil, o Atlético vai receber R$ 1,8 milhão. Já são R$ 5,4 milhões acumulados em prêmios pela participação nas fases iniciais do torneio. O clube recebeu R$ 1 milhão na primeira etapa, mais R$ 1,2 milhão na segunda fase e R$ 1,4 milhão pela terceira fase.

O Atlético vai conhecer seu adversário da quarta fase da Copa do Brasil na segunda-feira, dia 19, às 11h. É quando acontece o sorteio dos confrontos, na sede da CBF. Nesta etapa, não existe nenhum tipo de direcionamento para a definição dos confrontos. Portanto, o Galo pode enfrentar qualquer um dos outros nove classificados. Além do Atlético, já estão na quarta fase o São Paulo, Internacional, Goiás e Náutico. Os outros cinco classificados vão ser definidos nesta quinta-feira.

ATLÉTICO-MG

Victor; Patric, Leonardo Silva, Gabriel (Iago Maidana), Fábio Santos; Adilson, Arouca, Otero (Tomás Andrade), Cazares; Róger Guedes (Luan), Ricardo Oliveira.

T.: Thiago Larghi (interino)

FIGUEIRENSE

Denis; Diego Renan, Nogueira, Cleberson (Eduardo Bauermann), Guilherme Lazaroni; Zé Antônio, Betinho (Pereira), Jorge Henrique, Gustavo Ferrareis; Maikon Leite (Cedrón), André Luis. T.: Milton Cruz

Estádio: Independência, em Belo Horizonte (MG)

Juiz: Dyorgines Padovani de Andrade (ES)

Cartões amarelos: Leonardo Silva e Ricardo Oliveira (Atlético-MG); Gustavo Ferrareis e Jorge Henrique (Figueirense)

Gols: Ricardo Oliveira, aos 25min do segundo tempo (Atlético-MG); Zé Antônio, aos 21min do primeiro tempo, e Jorge Henrique, aos 25min do segundo tempo (Figueirense)

Pênaltis:

Atlético-MG: Fábio Santos (gol), Ricardo Oliveira (gol), Tomás Andrade (gol) e Luan (gol)

Figueirense: Jorge Henrique (Victor pegou), André Luis (gol), Diego Renan (Victor pegou), Cedrón (gol)

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Esportes

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber