Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Esportes

Preço do pacote de figurinhas da Copa terá aumento real de 56%

.

EDOARDO GHIROTTO

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Colecionar as figurinhas do álbum oficial da Copa do Mundo ficará mais caro neste ano. A Panini, editora responsável pelo produto, anunciou nesta segunda (12) que cada pacote com cinco figurinhas custará R$ 2. Em 2014, cada envelope custava R$ 1.

O aumento de 56% acima da inflação do período se justifica, segundo a editora, pela desvalorização de 38% do real –há quatro anos, o dólar estava custava R$ 2,36, hoje está em R$ 3,26. “O Brasil sofreu uma desvalorização cambial de 2014 para cá que nos forçou aumentar o preço. Em toda a América Latina, o preço no Brasil é o menor", afirmou José Martins, presidente da Panini no Brasil.

"Na Europa, o preço do pacote é 90 centavos de euro [R$ 3,60]. Nos EUA, o valor é de um dólar [R$ 3,26]. Para podermos dar a chance das pessoas colecionarem no Brasil, decidimos vender por R$ 2”, completou. A Panini é uma empresa italiana.

A editora afirmou ainda que, em 2014, identificou casos de pessoas que compravam pacotes no Brasil e revendiam no exterior a preços inflacionados. A aproximação do preço brasileiro com o internacional também tem como objetivo desincentivar essa prática. “Entendemos que é um aumento expressivo, mas muita coisa aumentou”, acrescentou Martins.

A empresa não revela o investimento feito na produção por conta do contrato de licença firmado com a Fifa. A Panini firmou um pré-contrato com todas as seleções que disputaram as eliminatórias para a Copa do Mundo. Aquelas que se classificaram, receberam um bônus para terem as imagens publicadas.

Há também acordos individuais que são feitos com jogadores caso não exista um órgão designado para negociar os direitos de imagem dos atletas, como é o caso do Brasil.

Pela primeira vez a Panini estampará 18 jogadores em cada seleção. Serão 683 figurinhas diferentes, um aumento de 43 em relação à edição anterior.

Além das seleções e dos estádios, o encarte terá imagens dos pôsteres das cidades-sede e de momentos históricos dos Mundiais.

O preço do álbum com capa de papel cartão será de R$ 7,90. O kit com o encarte de capa dura e mais 1​2 envelopes de figurinhas sairá por R$ 49,90. A venda do álbum começa no próximo dia 20. A partir do dia 16 os envelopes já estarão disponíveis nos pontos de venda.

ESCOLTA

Devido à crise de segurança no Rio de Janeiro, a Panini irá contratar escolta para os caminhões que fazem o transporte das figurinhas. São produzidos por dia 40 milhões de cromos na fábrica da editora, localizada em Barueri. “Não é uma medida adotada para todos os lugares, mas para o Rio de Janeiro certamente. Também fazemos a escolta em várias regiões de São Paulo”, disse Martins.

A Panini diz que optou pela escolta por ter sofrido roubos no transporte da carga em 2014. A empresa assumiu desde 2017 toda a distribuição nacional dos seus produtos. “É um produto altamente vendável. É muito visado. Temos que fazer essa prevenção”, afirmou o presidente da empresa.

A ausência de seleções tradicionais na Copa do Mundo da Rússia, como Holanda, Chile, Estados Unidos e Itália, deverá impactar as vendas dos álbuns no exterior. Segundo Martins, a empresa acredita que comercializará só 60% da quantia esperada no Chile.

Martins afirma, no entanto, que a Itália não é um grande consumidor do produto. A empresa tem sede no país. “As pessoas preferem muito mais os álbuns do Campeonato Italiano por lá”, disse.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Esportes

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber