Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Esportes

COI investigará abusos sexuais envolvendo ginastas dos Estados Unidos

.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O Comitê Olímpico Internacional investigará os casos de abuso sexual praticados pelo ex-médico da equipe de ginástica dos Estados Unidos Larry Nassar. A entidade quer saber se Nassar era protegido por dirigentes locais.

A presidente da Comissão de Atletas do COI, Angela Ruggiero, informou em assembleia em PyeongChang, na Coreia do Sul, que irá a fundo no assunto sobre os relatos de abuso sexual dentro do esporte. O esclarecimento dos casos na ginástica ajudará na prevenção de futuros abusos, relatou Ruggiero.

Larry Nassar foi condenado a entre 40 e 175 anos de prisão por abuso sexual múltiplo de jovens ginastas, incluindo várias campeãs olímpicas, entre elas Simone Biles, Aly Raisman, McKayla Maroney e Gabby Douglas.

Nassar passou anos cometendo abusos sob a aparência de realizar funções médicas com as atletas.

O médico de 54 anos havia sido condenado anteriormente a 60 anos de prisão por pornografia infantil, outro aspecto do caso que levou à queda de grande parte da junta diretora da Federação de ginástica americana.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Esportes

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber