Facebook Img Logo
Mais lidas
Esportes

Danilo marca um golaço, mas City desperdiça chances e cede empate

.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Depois de abrir o placar com um golaço do lateral direito Danilo e desperdiçar inúmeras chances de gol, o Manchester City cedeu o empate neste sábado (3) e ficou no 1 a 1 com o Burnley, fora de casa, em jogo válido pela 26ª rodada do Campeonato Inglês.

Apesar do resultado, o City lidera a competição com muita folga. Tem 69 pontos, 16 a mais em relação ao segundo colocado, o Manchester United, que joga ainda neste sábado contra o Huddersfield, em Old Trafford. Já o Burnley é o sétimo colocado, com 36 pontos.

O time da casa chegou ao empate com um gol de Gudmundsson, aos 37 minutos do segundo tempo. O resultado poderia até ter sido melhor para os mandantes, mas o goleiro Ederson estava inspirado e fez ao menos duas grandes defesas para o City.

Danilo anotou neste sábado o seu segundo gol com a camisa do Manchester City (o primeiro foi na goleada sobre o Bournemouth, por 4 a 0, em dezembro do ano passado). O brasileiro recebeu um passe na intermediária e chutou colocado, no canto esquerdo do goleiro Pope, que se esticou todo, mas não conseguiu fazer a defesa.

O Burnley foi para a partida com uma tática muito clara: apertar a saída de bola e jogar nos erros do City. A melhor chance do time da casa no primeiro tempo veio aos 30 minutos, quando Mee apareceu livre na área e chutou de esquerda, mas Ederson fez uma grande defesa para salvar a equipe visitante. Aos 37 minutos, Mee teve outra oportunidade, dessa vez de cabeça. A bola tirou tinta da trave do brasileiro. Aos 23 minutos do segundo tempo, Lenno chutou forte e Ederson voou para espalmar. A bola ainda bateu na trave na sequência.

Mesmo fora de casa, o Manchester City dominou a partida. Encontrou muitos espaços na defesa, mas faltou caprichar nas finalizações. Agüero teve boas chances e Danilo quase anotou o seu segundo gol na partida em outro chute colocado de fora da área, mas parou em ótima defesa de Pope.

Aos 25 minutos do segundo tempo, Sterling teve a melhor de todas as chances. Walker cruzou rasteiro da direita e o atacante, livre, sem goleiro pela frente, quase embaixo da trave, mandou para fora, para desespero de Guardiola. Antes, o atacante já havia desperdiçado um gol após um passe de Agüero, no meio da área.

O Burnley parecia ter desistido do jogo. Porém, aos 36 minutos do segundo tempo, Gudmundsson recebeu um cruzamento na área e chutou de primeira para as redes. Ederson chegou a tocar na bola, mas não o suficiente para evitar o gol.

O técnico Josep Guardiola ainda não pôde contar com Gabriel Jesus, que se recupera de uma lesão no ligamento do joelho esquerdo. Ele se machucou no último dia de 2017 e deve voltar a jogar entre o fim de fevereiro e o começo de março. O atacante Leroy Sané também não foi relacionado para a partida. Ele está com uma lesão no ligamento do tornozelo esquerdo. Seu retorno deve acontecer apenas em março.

Na próxima rodada do Campeonato Inglês, o Manchester City recebe o Leicester, no sábado (10), enquanto o Burnley visita o Swansea, no mesmo dia.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Esportes

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber