Facebook Img Logo
Mais lidas
Esportes

Cueva volta aos planos do São Paulo e pode ser relacionado para Copa do Brasil

.

DIEGO SALGADO

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O meia peruano Cueva está de volta aos planos do São Paulo. Após uma reunião nesta segunda-feira, a diretoria do clube decidiu recolocar o meio-campista à disposição do técnico Dorival Júnior.

O jogador participou normalmente dos treinamentos no CT da Barra Funda nesta segunda. Agora, a decisão de incluí-lo na lista de relacionados para a partida contra o Madureira pela Copa do Brasil está nas mãos do treinador são-paulino.

No último sábado, após a derrota para o Corinthians no Pacaembu, Dorival evitou falar da situação do meia peruano. Na ocasião, o comandante tricolor disse que a decisão estava nas mãos da diretoria.

Na reunião, que contou com a presença do diretor Raí e do presidente Leco, as arestas foram todas aparadas após casos de indisciplina cometidas por Cueva. O encontro terminou às 13h15 com final feliz.

ATRITOS

O início do desentendimento entre Cueva e a diretoria começou quando o meio-campista chegou atrasado (em seis dias) para a pré-temporada por causa de uma campanha publicitária no Peru, relativa à Copa do Mundo. O atleta recebeu uma multa, aceitou e tudo parecia caminhar bem, uma vez que ele foi aproveitado por Dorival no segundo tempo do jogo contra o Novorizontino.

Porém, o pedido para não jogar contra o Mirassol na última terça-feira deixou o clima que já não era dos mais agradáveis ainda pior. O peruano ficou insatisfeito ao saber que seria reserva, dias depois de ver a diretoria barrar proposta do Al Hilal, da Arábia Saudita, para mantê-lo.

Ele chegou a fazer um desabafo nas redes sociais, mas apagou a publicação e pediu desculpas à torcida do São Paulo, que chegou até a vaiá-lo contra o Novorizontino, no Morumbi.

Em seguida, Cueva alegou que precisava saber se realmente estava nos planos do São Paulo para não perder espaço na seleção peruana às vésperas da Copa do Mundo.

Cueva ainda deve sofrer um pouco para retomar a titularidade. Sem o peruano, Dorival deixou a criação são-paulina nos pés dos volantes do time, Jucilei e Petros, e também do jovem meia Shaylon.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Esportes

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber