Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Esportes

Organizado, Bragantino surpreende o Santos e vence na Vila Belmiro

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Pouco inspirado, lento e displicente no ataque, o Santos goi derrotado por um bem organizado Bragantino nesta segunda (22), na Vila Belmiro. Com a vitória por 1 a 0, a equipe do interior tem 100% de aproveitamento no Campeonato Paulista. Com seis pontos, lidera o Grupo A.

Com três pontos, o Santos está em primeiro no Grupo D.

Com a ausência de Bruno Henrique, que sofreu lesão no olho na primeira rodada, contra o Linense, Jair Ventura escalou o colombiano Copete pela direita e Arthur Gomes na esquerda. Relevado pelas categorias de base, Gomes fez dois gols na abertura do campeonato.

O Santos teve dificuldade com a defesa bem postada do Bragantino. Os visitantes passaram a partida esperando o erro de passe do adversário para tentar encaixar um lançamento na ponta ou um cruzamento na área. Foi com essa última opção que chegaria à vitória.

Contribuiu para os problemas santistas a lentidão no meio-campo. Renato e Vecchio não tinha velocidade para acionar os atacantes.

A primeira chance aconteceu aos 20 minutos, quando Arthur Gomes recebeu passe na área e chutou cruzado, mas fraco. O goleiro Alex Alves defendeu com o pé.

Não havia urgência no time do Santos ou criatividade na armação. Mas na bola parada, sim, e o time construiu a melhor chance do primeiro tempo quando lançamento de Vecchio encontrou Rodrigão. Ele cabeceou e Alves fez boa defesa,

O Santos tinha dificuldade para pressionar e o time foi ficando mais nervoso com o passar do tempo. O Bragantino, ao contrário, se mostrava cada vez mais à vontade. Ajudaria os donos da casa se a arbitragem não tivesse anulado de forma errada um gol de Arthur Gomes, que finalizou em condição legal, apesar de o bandeira ter assinalado impedimento.

A 20 minutos do fim, Ventura resolveu arriscar. Sacou o lateral esquerdo Romário e colocou o atacante Eduardo Sasha, que estreava. Não mudou muita coisa. A não ser por uma finalização de Jean Mota (outro substituto) da entrada da área, pouco criou.

A disciplina tática do Bragantino recompensou a equipe aos 36 do 2º tempo. Gerley aproveitou corte errado de Jean Mota e chutou na trave. No rebote e com Vanderlei caído, Guilherme Mattis acertou o chute e abriu o placar.

Rodrygo, 17, entrou para dar mais velocidade ao Santos pelas pontas, mas a equipe deu espaços na defesa que o Bragantino não soube aproveitar.

Apesar da lentidão, quase Vecchio salvou a equipe de Vila Belmiro aos 49. Cavou pênalti em saída de Alex Alves e o árbitro marcou pênalti. Rodrigão, no último lance da partida, cobrou fraco, rasteiro e no meio do gol. O goleiro salvou.

SANTOS

Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, David Braz, Romário (Eduardo Sasha); Alison, Renato (Jean Mota), Vecchio; Arthur Gomes (Rodrygo), Copete, Rodrigão.

T.: Jair Ventura

BRAGANTINO

Alex Alves; Ewerton, Guilherme Mattis, Lázaro, Fabiano (Diego Macedo); Adenilson, Evandro, Vitinho; Léo Jaime (Bruno Sávio), Gerley, Matheus Peixoto.

T.: Marcelo Veiga

Estádio: Vila Belmiro, em Santos (SP)

Juiz: Salim Fende Chavez

Gol: Guilherme, aos 36min do segundo tempo (Bragantino)

Cartões amarelos: David Braz, Alison e Jean Mota (Santos); Fabiano e Bruno Sávio (Bragantino)

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Esportes

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber