Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Esportes

Decisão do TJ recoloca Citadini como candidato a presidente do Corinthians

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O desembargador José Luiz Mônaco da Silva, do Tribunal de Justiça de São Paulo, concedeu liminar para Antonio Roque Citadini voltar a ser candidato à presidência do Corinthians. A decisão foi publicada nesta segunda (22).

Citadini havia sido impugnado pela comissão eleitoral do clube, parecer ratificado por Guilherme Strenger, presidente do conselho deliberativo. A alegação era que, como conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, Citadini estaria impedido de exercer qualquer outro cargo executivo por determinação das constituições estadual e federal.

No despacho para concessão de tutela ao pedido do candidato, o desembargador afirma que "o agravante [Citadini] não está a exercer cargo de direção, o que afasta de pronto a declaração de inegibilidade" e que não há sequer garantia de que ele será eleito.

A não ser que a liminar seja cassada, Citadini será candidato na eleição para presidente do Corinthians ao lado de Andrés Sanchez, Felipe Ezabella, Paulo Garcia e Romeu Tuma Júnior.

Ainda há possibilidade de mudança dos candidatos. A comissão eleitoral deve definir nesta segunda-feira se Sanchez, Garcia e Citadini serão punidos por pagar mensalidades atrasadas de sócios para que estes se tornassem habilitados a votar no pleito marcado para 3 de fevereiro.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Esportes

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber