Facebook Img Logo
Mais lidas
Esportes

Jadson desperdiça pênalti, e Corinthians perde da Ponte na estreia

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Com um jogador a mais durante 50 minutos e um pênalti inexistente desperdiçado pelo meia-atacante Jadson, o Corinthians foi derrotado pela Ponte Preta por 1 a 0, nesta quarta-feira (17), no Pacaembu, pela primeira rodada do Campeonato Paulista.

A equipe alvinegra teve mais posse de bola, encurralou o rival no campo de defesa, principalmente no segundo tempo, mas assim como aconteceu na temporada passada, encontrou dificuldades para superar a forte marcação do adversário.

O Corinthians teve força máxima em campo. O único jogador com status de titular que ficou fora da partida foi o lateral esquerdo Juninho Capixaba, que não foi registrado a tempo.

Sem o jogador, o técnico corintiano, Fábio Carille, escalou o prata da casa Guilherme Romão, que esteve emprestado ao Oeste em 2017. O atleta teve uma atuação apenas regular e foi expulso no final da partida.

Assim como aconteceu na Flórida Cup, o Corinthians utilizou novamente o esquema 4-1-4-1. Na temporada passada, a equipe jogava no 4-2-3-1.

Com a nova formação, Jadson e Rodriguinho atuam centralizados, enquanto Clayson e Romero joga aberto pelas pontas. Com mais ofensividade, o camisa 10 foi o principal jogador da equipe na etapa inicial.

Aos 17 minutos, Clayson recebeu e rolou para Jadson, que bateu forte e exigiu boa defesa do goleiro Ivan. No rebote, a bola sobrou para Kazim, que chutou para fora. Aos 33, Jadson teve nova chance. Após boa troca de passes, Fagner invadiu a área e cruzou para o jogador, que finalizou de primeira e acertou o travessão.

Ainda na etapa inicial, a Ponte Preta ficou com um jogador a menos. Fellipe Cardoso foi expulso pelo árbitro Raphael Claus após cometer falta em Cássio.

No segundo tempo, o Corinthians manteve a mesma postura, enquanto a Ponte Preta se fechou ainda mais. Carille tentou dar mais ofensividade ao time e colocou Lucca e Marquinhos Gabriel nos lugares de Romero e Clayson.

A equipe de Campinas, porém, surpreendeu em uma de suas poucas jogadas ofensivas. Após um balão, a bola sobrou para Felipe Saraiva, que cortou para o meio e acertou um belo chute.

Com a derrota parcial, o Corinthians se mandou para o ataque e teve a chance de empatar. Aos 31 minutos, Claus marcou pênalti em Jadson. O camisa 10 cobrou e o goleiro Ivan defendeu.

O time seguiu pressionando. Júnior Dutra ainda entrou na vaga de Jadson, mas o Corinthians não conseguiu chegar ao empate.

CORINTHIANS

Cássio; Fagner, Balbuena, Pedro Henrique, Guilherme Romão; Gabriel, Rodriguinho, Jadson (Júnior Dutra); Romero (Lucca), Kazim, Clayson (Marquinhos Gabriel). T.: Fábio Carille

PONTE PRETA

Ivan; Emerson, Renan Fonseca, Luan Peres, Jeferson; Marquinhos (Mendoza), Tiago Real, Léo Arthur (Reinaldo), Felipe Saraiva; Felipe Cardoso, Silvinho (Vitinho). T.: Eduardo Baptista

Estádio: Pacaembu, em São Paulo (SP)

Público: 19.622 pagantes (total: 21.121)

Renda: R$ 677.537,50 Árbitro: Raphael Claus (SP)

Cartões amarelos: Guilherme Romão e Jadson (Corinthians); Luan Peres, Felipe Cardoso e Silvinho (Ponte Preta)

Cartões vermelhos: Guilherme Romão (Corinthians); Felipe Cardoso (Ponte Preta)

Gol: Felipe Saraiva, aos 23min do segundo tempo

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Esportes

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber