Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Esportes

Vice do Santos veta contratação de Rafael Marques por conta de provocações

.

SAMIR CARVALHO

SANTOS, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O atacante Rafael Marques tinha tudo para vestir a camisa do Santos nesta temporada. O atleta estava interessado e o Cruzeiro acenou que não colocaria empecilhos para liberá-lo ao clube paulista.

No entanto, a reportagem apurou que o vice-presidente alvinegro, Orlando Rollo, vetou a contratação por conta de antigas provocações do jogador ao time da Vila Belmiro.

A principal delas ocorreu em 2015, quando Rafael Marques defendia o Palmeiras e chamou a torcida santista de "meia dúzia de gatos pingados" antes do segundo jogo da final da Copa do Brasil, no Allianz Parque.

Após o UOL Esporte revelar a possibilidade da contratação de Rafael Marques, torcedores santistas protestaram bastante nas redes sociais. Rollo tem forte ligação com a torcida santista, pois fez parte de organizadas do clube e sempre frequentou arquibancadas.

O dirigente santista, inclusive, encabeça a reforma na Vila Belmiro para que o estádio volte a ser alçapão. Alambrados, arquibancadas e vidros baixos estão sendo colocados nos lugares de camarotes.

Antes de Rafael Marques, do Cruzeiro, o clube paulista já havia tentado Barcos, Gilberto e Tréllez. Somente o atacante do Vitória ainda segue nos planos, mas a transação está emperrada.

FORA DO CRUZEIRO

Fora dos planos de Mano Menezes, o jogador está livre para negociar com outro clube. A diretoria chegou a liberá-lo para uma conversa com a Chapecoense, mas as tratativas não avançaram e o atleta optou pela permanência na Toca da Raposa II.

A recusa à equipe da Arena Condá se deu por dois motivos. O jogador gostaria de ficar em um time de maior expressão do futebol brasileiro e ele se considera adaptado a Minas Gerais. O atacante nutre amizade com Digão, Thiago Neves e Rafael Sóbis. O quarteto passou a virada do ano junto em Trancoso, na Bahia.

Rafael Marques foi contratado em maio de 2017. O clube fez um acordo com o Palmeiras para ter o atacante em definitivo. Ele assinou contrato até dezembro deste ano, mas não faz parte dos planos da comissão técnica. Por isso, o clube aceitou liberá-lo à Vila Belmiro.

Em sete meses na Toca da Raposa II, o jogador de 34 anos esteve presente em 19 partidas. Ele marcou apenas um gol e sofreu com lesões. A mais relevante foi uma cirurgia para a retirada de uma hérnia inguinal.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Esportes

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber