Mais lidas
Esportes

Arsenal cai na Copa da Inglaterra e protesta contra pênalti de dois toques

.

SÃO PAULO, SP (UOL/OLHAPRESS) - O modesto Nottingham Forest reviveu neste domingo (7) um pouco de seus grandes momentos no futebol, quando chegou a ser bicampeão europeu na década de 70 (1979 e 1980). O time da segunda divisão inglesa derrotou o Arsenal por 4 a 2 e eliminou os favoritos de Londres da Copa da Inglaterra.

Atualmente na 14ª colocação da segunda divisão, o Nottingham Forest venceu em casa com dois gols de Eric Lichaj e outros dois de pênalti, com Ben Brereton e Kieran Dowell. O Arsenal descontou com o zagueiro alemão Per Mertesacker e com Danny Welbeck, após uma falha grotesca do goleiro Smith.

A polêmica do jogo foi o gol de pênalti de Dowell, em uma cobrança que teria batido nos dois pés do jogador (em infração prevista nas regras do jogo). O atleta do Forest escorregou no momento do chute. Apesar dos protestos exaltados dos jogadores do Arsenal, que pediam a anulação do lance, a arbitragem resolveu confirmar o gol.

Desta forma, o Arsenal amarga uma eliminação precoce na competição. O time de Londres não caia na 3ª rodada da Copa da Inglaterra desde 1996, quando sucumbiu diante do Sheffield United.

Preservando as principais peças do elenco para os compromissos do Campeonato Inglês, o técnico Arsene Wenger optou por uma formação alternativa contra o Nottingham. Assim, o comandante do Arsenal mandou a campo jogadores como Debuchy, Iwobi e Welbeck.

Se por um lado o Arsenal ficou pelo caminho na Copa da Inglaterra, seu grande rival do norte de Londres seguiu adiante. Neste domingo, o Tottenham eliminou o Wimbledon com vitória por 3 a 0, com dois gols do artilheiro Harry Kane e outro do belga Vertonghen.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber