Facebook Img Logo
  1. Edhucca Banner
Mais lidas
Esportes

Jair nega participação em demissão de Elano e espera por Robinho e Gabigol

.

SAMIR CARVALHO

SANTOS, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O Santos apresentou nesta sexta-feira (5), na Vila Belmiro, o seu novo treinador para as disputas do Campeonato Paulista, Copa Libertadores da América, Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil: Jair Ventura, que estava no Botafogo como técnico há um ano e meio. O treinador assinou contrato com o alvinegro praiano até o fim desta temporada. O comandante santista chegou explicando uma polêmica envolvendo um dos ídolos do clube: o ex-meia Elano.

Jair negou que tenha participado da demissão de Elano, que exercia a função de auxiliar fixo na comissão técnica santista. Além de Elano, a nova diretoria demitiu Marcelo Fernandes, auxiliar e técnico campeão paulista pelo clube em 2015. O novo treinador avisou que a saída da dupla já estava decidida antes de sua chegada.

"Não participei de mudança alguma. Tanto dele (Elano) como a do Marcelo (Fernandes). Não participei de nada disso. Já estava definido antes da minha chegada. Não tenho nada contra o Elano, o Marcelo fez o curso comigo agora no final do ano na CBF. Não tive participação alguma nessas mudanças", afirmou Jair Ventura.

Em relação a reforços, Jair Ventura pediu, principalmente, atletas para as vagas de Lucas Lima e Ricardo Oliveira, que deixaram o clube paulista. Robinho e Gabigol podem ser os substitutos. O ex-treinador do Botafogo já avisou que aprova o retorno dos ídolos santistas e aguarda uma posição da diretoria.

"São dois jogadores (Robinho e Gabigol) que dispensam comentários. Qualquer treinador queria contar com esses jogadores. Gosto bastante dos dois. Tem história linda no clube. Temos quer ver no departamento de futebol. Seria bom, mas temos que ir com calma", afirmou Jair Ventura.

O diretor executivo de futebol do Santos, Gustavo Vieira, que também foi apresentado oficialmente nesta sexta-feira, admitiu que retomou as negociações com Robinho, iniciadas pelo ex-presidente do clube, Modesto Roma.

"Robinho é um jogador fora de série. Ele tem passagens incríveis pelo Santos, de destaque. É Menino da Vila, tem identificação com o seu torcedor. Ele sempre está na mira. Há conversas e houve conversas antigas. Estamos querendo entender os movimentos. Ele chega numa altura da vida capaz de tomar suas próprias decisões. Existe o sentimento que um Menino da Vila sempre tem portas abertas aqui", disse o dirigente.

Jair Ventura ainda promete respeitar o "DNA ofensivo" do clube paulista, mas ressaltou que o time precisa jogar organizado taticamente.

"O sistema de jogo todo o seu treinador tem seu modelo e sistema, mas vamos de acordo com os atletas que nós temos. Se tiver mais ofensivos, vamos ser ofensivos. É logico que conheço a história do Santos. A gente vai ser super ofensivo, mas não vamos perder a qualidade e organização. Sabemos da força de usar os meninos, vamos ser ofensivos e organizados e táticos", disse.

O novo técnico santista receberá cerca de R$ 400 mil mensais. O valor já inclui o pagamento de sua comissão técnica. O treinador chega com o auxiliar Emílio Faro e o preparador físico Ednilson Sena.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Esportes

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber