Mais lidas
Esportes

Flamengo da 'Era Bandeira' vira o ano pela primeira vez de 'mãos vazias'

.

LEO BURLÀ

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - Desde que assumiu a presidência do Flamengo, em janeiro de 2013, a gestão de Eduardo Bandeira de Mello contratou 65 jogadores. Com um elenco que é considerado forte pela atual diretoria, o clube da Gávea vira o ano "de mãos vazias" pela primeira vez desde que o atual grupo chegou ao poder. Como ganhou a eleição em dezembro de 2012, os nomes novos da temporada seguinte só foram oficializados a partir do primeiro mês do ano seguinte. É verdade que nem sempre contratar antes do início de uma nova temporada foi sinônimo de sucesso neste período, visto que nomes como Feijão, Thallyson e Arthur Henrique chegaram nestas condições. Em comum, o fato de não terem deixado saudade nenhuma para o torcedor. Os casos de Juan e Willian Arão são o oposto. Titulares absolutos, a dupla foi anunciada antes do início de 2016 e vingou na Gávea.

Ainda que nenhum "presente" de fim de ano tenha sido anunciado, a direção rubro-negra trabalha nos bastidores. O entendimento geral é que há a necessidade de poucas peças, visto que a avaliação média é positiva. Alvo número 1 do Fla, o lateral Zeca já está acertado com o clube, mas questões jurídicas ainda impedem o anúncio. O nome de Pablo, ex-Corinthians, também agrada.

Se as chegadas são tratadas como prioridade, o mesmo acontece com as saídas. A cúpula de futebol tenta viabilizar negociações com nomes como Mancuello, Alex Muralha, Rafael Vaz e Márcio Araújo, jogadores reprovados por boa parte dos rubro-negros. Maior fiasco do ano, Conca já voltou para o Shangai SIPG, seu clube na China.

A movimentação para mudanças no elenco segue, mas a situação do técnico Reinaldo Rueda segue cercada de mistério. Na mira de Chile e Colômbia, o treinador segue sem se manifestar sobre seu futuro.

Veja todas as contratações do Flamengo da "Era Bandeira". As anunciadas antes do fim do ano estão em negrito.

2013:

1 – Gabriel (meia)

2 – Val (volante)

3 – Diego Silva (atacante)

4 – Carlos Eduardo (meia)

5 – Bruninho (meia)

6 – João Paulo (lateral)

7 – Chicão (zagueiro)

8 – Elias (volante)

9 – Marcelo Moreno (atacante)

10 – André Santos (lateral)

11 – Paulinho (atacante)

12 – Wallace (zagueiro)

2014:

13 – Anderson Pico (lateral)

14 – Arthur (meia-atacante)

15 – Alecsandro (atacante)

16 – Elano (meia)

17 – Erazo (zagueiro)

18 – Feijão (volante)

19 – Everton (meia-atacante)

20 – Eduardo da Silva (atacante)

21 – Marcelo (zagueiro)

22 – Léo (lateral)

23 – Márcio Araújo (volante)

24 – Elton (atacante)

25 – Canteros (volante)

26 – Mugni (meia)

2015:

27 – Almir (meia)

28 – Kayke (atacante)

29 – Thallyson (lateral)

30 – Marcelo Cirino (atacante)

31 – Pará (lateral)

32 – Armero (lateral)

33 – Artur Maia (meia)

34 – Alan Patrick (meia)

35 – Ayrton (lateral)

36 – Bressan (zagueiro)

37 – Ederson (meia)

38 – Emerson Sheik (atacante)

39 – César Martins (zagueiro)

40 – Jonas (volante)

41 – Guerrero (atacante)

2016:

42 – Juan (zagueiro)

43 – Antonio Carlos (zagueiro)

44 – Artur Henrique (lateral)

45 – Mancuello (meia)

46 – Chiquinho (lateral)

47 – Rodinei (lateral)

48 – Alex Muralha (goleiro)

49 – Willian Arão (volante)

50 – Cuéllar (volante)

51 – Fernandinho (atacante)

52 – Réver (zagueiro)

53 – Rafael Vaz (zagueiro)

54 – Donatti (zagueiro)

55 – Leandro Damião (atacante)

56 – Diego (meia)

2017:

57 – Trauco (lateral)

58 – Conca (meia)

59 – Berrío (atacante)

60 – Rômulo (volante)

61 – Renê (lateral)

62 – Éverton Ribeiro (meia)

63 – Rhodolfo (zagueiro)

64 – Geuvânio (atacante)

65 – Diego Alves (goleiro)

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber