Mais lidas
Esportes

Sob risco de queda, Coritiba visita a Chapecoense

.

PAULO BATISTELLA

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Coritiba chega ao encerramento do Campeonato Brasileiro com o futuro em aberto: ao final da 38ª rodada, poderá estar classificado para a Copa Sul-Americana ou rebaixado à Série B.

A única certeza com a qual o time pode contar no momento é que, se vencer a Chapecoense neste domingo (3), a partir das 17h (de Brasília), na Arena Condá, estará garantido na elite do futebol nacional. Já a ida ao torneio internacional depende também de tropeços do rivais de cima.

Os coritibanos estão na 16ª colocação e somam 43 pontos, um a mais que os dois primeiros times do Z-4, o Sport e o Avaí —além deles, o Vitória, com a mesma pontuação do Coritiba, mas com vantagem no saldo de gols, também briga contra a queda. “Os jogadores estão completamente mobilizados, comprometidos, e a gente espera fazer um grande jogo e que dê tudo certo”, disse o técnico Marcelo Oliveira.

A Chape, por outro lado, é postulante à vaga na Taça Libertadores. Em ano de reconstrução após o acidente aéreo, o time de Chapecó conseguiu atingir a nona colocação, com 51 pontos. Agora, torce por derrotas dos concorrentes ou título do Flamengo na Sul-Americana, o que criaria um G-9 no Brasileiro.

Em campo, a Chapecoense poderá contar com seus principais jogadores. Já o Coritiba terá Kleber entre os titulares, mas sofrerá com três ausências: Alan Santos, Dodô e Henrique Almeida, vetados pelo departamento médico.

CHAPECOENSE

Jandrei; Apodi, Douglas, Douglas Grolli e Reinaldo; Amaral, Canteros, Elicarlos, João Pedro e Luiz Antônio; Wellington Paulista. T.: Gilson Kleina

CORITIBA

Wilson; Léo, Márcio, Cleber Reis e Thiago Carleto; Jonas, Edinho, Tiago Real e Iago; Rildo e Kleber. T.: Marcelo Oliveira

Estádio: Arena Condá, em Chapecó (SC)

Horário: 17h (de Brasília) deste domingo

Juiz: Luiz Flavio de Oliveira (SP)

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber