Mais lidas
Esportes

Brasil não jogará em 'casa' e viajará 7.376 quilômetros na 1ª fase

.

ALEX SABINO, FÁBIO ALEIXO E SÉRGIO RANGEL

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Escolhida pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol) como casa da seleção na Rússia, a cidade de Sochi, no sudoeste do país, à Beira do Mar Negro, não será sede de nenhum jogo do time nacional, ainda que chegue à final.

Na primeira fase, o Brasil atuará em Rostov-do-Don, São Petersburgo e na capital Moscou. Os adversários serão, respectivamente, Suíça, Costa Rica e Sérvia.

Como o planejamento é de sempre retornar à sua base, o Brasil viajará um total de 7.376 quilômetros, somando deslocamentos aéreos entre ida e volta. Todos os voos serão fretados pela Fifa.

Isso é um benefício para os atletas, pois atualmente não existe nenhum voo comercial direto entre Sochi e Rostov, por exemplo. Para São Petersburgo e Moscou, há diversas opções de horários.

Se tivesse ficado nos grupos C, F ou G, o Brasil jogaria ao menos uma partida em Sochi, no Estádio Olímpico Fisht, localizado 30 km de distância da concentração.

"Gostaríamos de jogar em Sochi. Mas a prioridade que se estabeleceu foi ter uma logística boa, que era um bom local de treinamento e hotel próximo para alimentação e descanso. Sochi nos proporciona isso. O resto ia depender do sorteio", afirmou Tite.

"A grandeza da competição exige variáveis que não temos condições de controlar. Deixa eu gastar minhas energias no que eu posso fazer: treinamento de qualidade e logística que permite aos atletas evoluírem", afirmou.

A seleção ficará hospedada no Swissôtel Sochi Kamelia, um resort cinco estrelas, e treinará em um estádio a menos de 500 metros, o que possibilitará que atletas e membros da comissão técnica cheguem ao local a pé.

O gramado do estádio ainda não está pronto —seu plantio só ocorrerá em março.

Os deslocamentos no mata-mata até a final ainda dependerão da posição que a seleção terminar no Grupo E.

Se for líder da chave, a seleção poderá jogar nas fases seguintes em Samara, Kazan, São Petersburgo e Moscou.

Se for segunda, o caminho até a final passa por São Petersburgo, Samara e Moscou.

A seleção só pretende ficar baseada em Sochi até o fim das quartas de final. Depois, se deslocaria entre São Petersburgo e Moscou, que estão separadas por só 634 km por via aérea em linha reta.

APRESENTAÇÃO

A seleção se apresentará no dia 21 de maio na Granja Comary, em Teresópolis, para o primeiro período de treinos para a Copa. Atletas que estiverem na final da Liga dos Campeões, em 26 de maio, só se apresentação à equipe após a disputa da decisão.

No Brasil, está prevista a realização de um amistoso para despedida da torcida no Maracanã. A partida deve ocorrer na última semana de maio, ainda sem data definida.

Depois, a seleção segue para o Reino Unido, onde terá o seu segundo período de treinamentos do CT do Tottenham, nas cercanias de Londres.

A data da chegada à Rússia não foi definida. A Fifa exige que as seleções estejam no país até cinco dias antes de suas estreias. No caso do Brasil, 12 de junho.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber