Mais lidas
Esportes

Palmeiras fecha negociação e contrata Lucas Lima por cinco anos

.

DANILO LAVIERI E JOSÉ EDGAR DE MATOS

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Depois de dias de negociações, Lucas Lima, enfim, oficializou seu acordo com o Palmeiras nesta quinta-feira (30). Ele deixa o Santos após quatro temporadas. O meia assinou um pré-contrato com o alviverde e é o terceiro reforço confirmado para a equipe comandada por Roger Machado, técnico apresentado na última quarta na Academia de Futebol, CT do clube.

Um pré-contrato foi assinado por uma questão de segurança jurídica, mas o contrato passa a vigorar no dia 1º de janeiro para efeitos de inscrição em federações, campeonatos e pagamento dos salários. O novo meia palmeirense também vai ser apresentado somente no início da próxima temporada, segundo programação inicial do clube.

Como tem seu contrato terminando em dezembro deste ano, o meia chegará ao time alviverde sem custos de transação. Apesar disso, a operação final, contando salários, luvas e comissões, deve ficar em torno de R$ 50 milhões.

A negociação entre o jogador e o Palmeiras acelerou após a manhã de quarta-feira. Lucas Lima se reuniu com o presidente do Santos, Modesto Roma, e comunicou o desejo de firmar o pré-contrato com o clube alviverde. O próprio dirigente santista, em conversa com a reportagem do UOL Esporte, confirmou a negociação antes do rival.

"[Lucas Lima] Entrou pela porta da frente e saiu pela porta da frente. Não tem o que esconder. Ele veio com o pai [Roberto] e seu representante e disse que vai jogar no Palmeiras e vai assinar", explicou o mandatário santista no início da tarde de quarta.

O interesse palmeirense, porém, é antigo. Desde junho, o estafe do jogador trabalha com o interesse da equipe paulistana, enquanto o Santos tentava a renovação. O Palmeiras tratou de negar veementemente o desejo de contar com Lucas Lima durante os últimos meses e agiu com cautela na construção do acordo finalizado esta semana.

Ainda no mês de outubro, Lucas Lima prometeu ao Palmeiras que, caso permanecesse no futebol brasileiro, fecharia com o clube para 2018. Desde então, o diretor de futebol Alexandre Mattos tratou de monitorar a situação do atleta, que tem o pai de Neymar, com quem o dirigente palmeirense cultiva boa relação, como um dos agentes.

O Palmeiras tratou de avançar definitivamente na última semana. Depois de Lucas Lima recusar a renovação e ser afastado, o atual vice-líder do Brasileiro, por intermédio do presidente Mauricio Galiotte, informou a Modesto Roma que faria uma proposta de pré-contrato para contar com o meia.

Na última segunda-feira, dia da partida contra o Botafogo, o pai de Neymar, o pai do novo meia do Palmeiras e outras pessoas ligadas ao atleta estiveram na Academia de Futebol, o CT do clube, a fim de amarrar o acordo. A "turma de Lucas Lima" ainda assistiu ao duelo contra os cariocas em um camarote no Allianz Parque.

Restavam apenas questões protocolares para Lucas Lima vestir a camisa alviverde em 2018. O jogador se reuniu com Modesto Roma, comunicou a saída e foi liberado para assinar com o clube da capital paulista. O meia é o terceiro reforço para Roger Machado.

O Palmeiras já fechou contratos com Emerson Santos, zagueiro do Botafogo, e Diogo Barbosa, lateral esquerdo do Cruzeiro. Weverton, goleiro do Atlético-PR, é o próximo da lista a ter suas negociações intensificadas.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber