Mais lidas
Esportes

Triatleta desaparece no mar durante prova no Ceará, e equipes fazem busca

.

ADRIANO WILKSON

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Um atleta de triatlo desapareceu no mar do litoral cearense neste domingo (26), durante uma prova em Fortaleza. Segundo a organização da prova, Genilson Lima é um atleta experiente, natural do Ceará, e se inscreveu na categoria entre 45 e 49 anos.

O corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 9h da manhã para buscar o atleta, que não teve a saída da água identificada pela organização do Ironman, uma tradicional competição de triatlo -esporte que envolve, além de natação, corrida e ciclismo.

Equipes da Marinha, da Guarda Municipal e de um centro de operações aéreas também foram acionadas para realizar a busca. Um helicóptero sobrevoou a praia da Formosa em busca de Genilson.

O atleta deveria ter saído da água para iniciar a parte da prova com bicicleta, mas isso não aconteceu.

O tenente-coronel Marcus Costa disse que as buscas envolvem helicópteros, mergulhadores e equipes em terra. “Fizemos duas buscas, quase 3 horas e meia de trabalho. Delimitamos uma área de busca de acordo com a possibilidade de deslocamento com a maré e correntes marítimas, mas nenhuma das buscas teve êxito", disse Costa. "Encontramos botos, golfinhos, pedaços de árvores, mas não encontramos o atleta. Os bombeiros continuam no local com mergulhadores, e a Marinha também apoiou a busca.”

A organização da prova disse que cerca de 1200 atletas amadores de 14 países participaram da prova e todos usaram um chip identificador. Deles, 26 competidores não chegaram à área onde deveriam pegar suas bicicletas para continuar a prova, mas entre eles, apenas Genilson não apareceu. Ele é um atleta relativamente conhecido no circuito local, segundo a organização do Ironman.

As equipes de busca consideram pequenas as possibilidades de o atleta ter saído em algum ponto da praia. “O que nos deixa desacreditado dessa possibilidade é que desde as 9h da manhã, que era a hora que ele deveria ter saído da água, ele não fez nenhum contato com a família e não chegou ao local da prova. E também por causa da geografia do local. Trata-se de um circuito fechado, temos paredões de pedra que delimitam essa área. Fica difícil sair dessa área abrigada pelas pedras.”

O militar disse que uma nova busca será feita no fim da tarde e, se não houver sucesso, outra no começo da manhã seguinte. “Estamos fazendo uma busca pelo atleta, mas se houve um afogamento, se ele realmente está em óbito, continuaremos com a busca marítima, mas esperamos que os gases naturais do corpo façam com que ele venha a superfície.”

Veja a nota oficial divulgada pela secretaria de segurança pública do Ceará:

"A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informa que equipes da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) e do Corpo de Bombeiros Militar do Ceará foram acionadas, por volta das 9 horas deste domingo (26), para realizar buscas no intuito de localizar um competidor do Ironman que desapareceu durante a prova de natação. O acionamento das equipes ocorreu após os organizadores do evento notarem a ausência do atleta. Equipes da Marinha e Guarda Municipal também participam da operação."

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber