Mais lidas
Esportes

'É um desafio de retomada de carreira', diz Ceni em apresentação no Fortaleza

.

MARCEL RIZZO

FORTALEZA, CEARÁ (UOL/FOLHAPRESS) - Rogério Ceni foi apresentado nesta quarta-feira (15) como novo técnico do Fortaleza. Em sua primeira entrevista coletiva, o comandante exaltou o desafio de retomar a carreira após a demissão do São Paulo e disse que ir ao clube do nordeste não foi retrocesso.

"Eu não vejo por que não vir para o nordeste, as pessoas nos tratam muito bem por aqui. O time já se encontra em patamar elevado, mas o futebol é igual em todo lugar, desde que seja feito com amor e paixão", disse Ceni.

"Temos aqui um orçamento menor, mas vamos trabalhar e trazer quem queira de fato vestir a camisa do Fortaleza e representar os torcedores. Estou muito contente, trabalhando desde as 9h da manhã. É um desafio que vou encarar com o maior carinho do mundo, com muito profissionalismo. É um desafio de retomada de carreira. E o desejo é de ficar o ano todo, desenvolver, aprender cada vez mais. Você leva aprendizado em tudo, da cultura, da região", completou.

Menos de cinco meses depois de ser dispensado pelo São Paulo, onde deu os primeiros passos como treinador, Rogério Ceni foi anunciado pelo Fortaleza no último dia 10 de novembro e virá acompanhado do auxiliar Nelson Simões, do supervisor técnico Charles Hembert e do preparador físico Danilo Augusto.

O contrato tem validade a partir de 2018, mas desde agora o ex-goleiro já trabalha na montagem do elenco, que entrará em pré-temporada a partir de 18 de dezembro.

O presidente do Fortaleza Marcelo deu as boas vindas a Rogério e exaltou as qualidades do treinador.

"Acho que a chegada do Rogério ao Fortaleza é comparada com a chegada do Ronaldo ao Corinthians. A gente sabe que a presença dele é importante. Ele é Tricolor do Morumbi, hoje tem uma sinergia muito boa com as duas torcidas. Nossa torcida tem acolhido ele muito bem. Agora ele vai escrever uma nova história em um novo tricolor e estamos muito felizes", disse.

Com Ceni, o Fortaleza espera colocar em prática ações de marketing para atrair associados, tanto é que se referiu ao técnico como "M1t00" nas redes sociais —apelido tradicional entre os torcedores do São Paulo.

Segundo apurou a reportagem, Rogério fez algumas exigências para acertar com o clube, como melhorias nas academias e gramado do CT. O ex-goleiro quer uma sala mais espaçosa e reservada do que os últimos técnicos da equipe tiveram, e o Fortaleza corre para resolver suas pendências enquanto monta o elenco com o dedo do novo comandante.

O Fortaleza já está garantido na Série B do ano que vem. Deste modo, Rogério assume o time em 2018, ano do centenário da equipe, e voltará a ter a companhia diária de Bosco, que foi seu reserva no São Paulo entre 2005 e 2011 e atualmente trabalha como preparador de goleiros do clube cearense.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber