Mais lidas
Esportes

Zidane é eleito pela Fifa o melhor treinador de futebol do mundo

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O francês Zinedine Zidane, do Real Madrid, fez história nesta segunda-feira (23) ao ser eleito pela Fifa o melhor técnico do mundo. Ele desbancou os italianos Massimiliano Allegri, da Juventus, e Antonio Conte, do Chelsea, para ficar com a premiação.

Nunca um ex-jogador que havia recebido da Fifa o prêmio de melhor atleta tinha conseguido a honraria como treinador. Zidane foi eleito o principal jogador de futebol do mundo em 1998, 2000 e 2003. Já o prêmio de melhor treinador começou a ser entregue em 2010.

Zidane já havia concorrido ao troféu na última edição da premiação, mas perdeu para o italiano Claudio Ranieri, que conquistou o inesperado título inglês com o Leicester City.

Foi o próprio Ranieri que anunciou Zidane como vencedor. Em seu discurso, o francês agradeceu ao Real Madrid e a alguns jogadores da equipe, entre eles o português Cristiano Ronaldo.

Pesou a favor de Zidane a conquista de mais um título da Liga dos Campeões com o Real Madrid. O treinador, que já havia sido campeão na temporada 2015/2016, assegurou o bicampeonato com uma goleada por 4 a 1 contra a Juventus, em Cardiff.

Zidane também foi campeão da última edição do Espanhol, com três pontos de vantagem para o rival Barcelona, e ganhou o título do Mundial de Clubes da Fifa em dezembro do ano passado.

TRÊS BRASILEIROS NO TIME DO ANO

A seleção da Fifa de melhores jogadores do mundo contou com três brasileiros convocados com frequência pelo técnico Tite para defender o país. Os laterais Daniel Alves, do PSG, e Marcelo, do Real Madrid, e o atacante Neymar, também do PSG, estiveram entre os onze atletas premiados.

O restante do time foi composto pelo goleiro Buffon (Juventus), os zagueiros Sergio Ramos (Real Madrid) e Bonucci (Milan), os meias Kroos (Real Madrid), Modric (Real Madrid) e Iniesta (Barcelona) e os atacantes Cristiano Ronaldo (Real Madrid) e Messi (Argentina).

OUTRAS PREMIAÇÕES

O francês Olivier Giroud, do Arsenal, venceu o Prêmio Puskás de gol mais bonito do ano. O atacante desbancou a venezuelana Deyna Castellanos e o goleiro sul-africano Oscarine Masuluke, que havia feito um gol de bicicleta.

Em premiação inédita, Buffon foi eleito o melhor goleiro do mundo. Ele superou Navas, do Real Madrid, e Neuer, do Bayern de Munique.

O time escocês Celtic ganhou o prêmio de melhor torcida do mundo. Já o jogador Francis Koné ganhou o título de fair play da temporada. Ele foi homenageado por ter socorrido o goleiro de um time rival que sofreu uma convulsão durante uma partida na República Tcheca.

O prêmio de melhor técnica de futebol feminino foi para Sarina Wiegman, que venceu a Eurocopa com a seleção da Holanda.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber