Mais lidas
Esportes

Brasileiros são escolhidos no Draft da G-League, liga inferior da NBA

.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Neste sábado (21), dois brasileiros foram escolhidos no Draft da G-League, liga americana de basquete que funciona como uma divisão de acesso para a NBA. O armador Scott Machado foi selecionado na décima escolha pelo South Bay Lakers, enquanto o ala-armador Mogi foi selecionado pelo Grand Rapids Drive na 31ª.

Machado nasceu em Nova York, mas tem pais brasileiros e cidadania do país. O armador de 27 anos de idade ICL Manresa, da Espanha, na última temporada, e apresentou médias de 8,5 pontos e 3,9 assistências em 25,4 minutos por exibição pelo clube.

Mogi, por sua vez, tem 21 anos de idade e fez parte do elenco vice-campeão da última temporada do NBB pelo Paulistano. O ala-armador obteve médias de 4,6 pontos e dois rebotes em 13,2 minutos por exibição pelo clube de São Paulo na campanha em questão.

Tanto Machado quanto Mogi tentaram a sorte em Drafts da NBA, mas passaram em branco: o armador em 2012, e o ala-pivô em 2017.

A G-League funciona como uma espécie de liga inferior da NBA, e seus clubes costumam ser ligados às franquias da principal liga americana de basquete. O South Bay Lakers é filiado ao Los Angeles Lakers, e o Grand Rapids Drive é filiado ao Detroit Pistons.

As franquias da NBA podem enviar seus jogadores para seus afiliados da G-League, geralmente para dar experiência e/ou ritmo de jogo a seus contratados.

Nesta temporada, pela primeira vez, entrou em voga um contrato misto, em que um atleta pertence simultaneamente ao clube da NBA e ao seu afiliado na G-League.

Machado e Mogi, no entanto, pertencem apenas a seus clubes da liga inferior e não tem qualquer ligação com Lakers e Pistons, respectivamente. Os jogadores são considerados agentes livres para a NBA e podem ser contratados por qualquer franquia.

A G-League ainda deve ter mais um brasileiro na temporada 2017/2018: o armador Georginho, que foi cortado pelo Houston Rockets na reta final da pré-temporada e absorvido pelo Rio Grande Valley Vipers, afiliado da franquia texana na liga inferior.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber