Esportes

Cristiano Ronaldo é a 2ª celebridade europeia mais bem paga, diz Forbes

Da Redação ·
Cristiano Ronaldo é a 2ª celebridade europeia mais bem paga, diz Forbes
Cristiano Ronaldo é a 2ª celebridade europeia mais bem paga, diz Forbes

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Cristiano Ronaldo é a segunda celebridade da Europa mais bem paga. Na lista publicada pela revista "Forbes", o atacante do Real Madrid está atrás, somente, da autora JK Rowling, da saga Harry Potter.

continua após publicidade

A fortuna do português do Real Madrid é avaliada em 93 milhões de dólares (R$ 294 milhões segundo a cotação atual). O próximo atleta da lista é o Roger Federer, que é considerado a quinta celebridade europeia mais bem paga com 64 milhões de dólares (R$ 202 milhões).

A lista também conta com Lewis Hamilton, Novak Djokovic, Fernando Alonso, Gareth Bale, Conor McGregor e Zlatan Ibrahimovic.

continua após publicidade

CONFIRA A LISTA:

1 - JK Rowling (Reino Unido, US $ 95 milhões)

2 - Cristiano Ronaldo (Portugal, 93 milhões de dólares)

continua após publicidade

3 - Coldplay (UK, US $ 88 milhões)

4 - Adele (Reino Unido, US $ 69 milhões)

5 - Roger Federer (Suíça, 64 milhões de dólares)

continua após publicidade

6 - Elton John (Reino Unido, US $ 60 milhões)

6 - Gordon Ramsey (Reino Unido, 60 milhões de dólares)

continua após publicidade

7 - Paul McCartney (Reino Unido, US $ 54 milhões)

8 - Rory McIlroy (Reino Unido, US $ 50 milhões)

9 - Calvin Harris (Reino Unido, US $ 48 milhões)

continua após publicidade

10 - Lewis Hamilton (Reino Unido, US $ 46 milhões)

11 - Simon Cowell (Reino Unido, US $ 43,5 milhões)

12 - Tiesto (Países Baixos, US $ 39 milhões)

continua após publicidade

13 - Sebastian Vettel (Alemanha, 38,5 milhões de dólares)

14 - Novak Djokovic (Sérvia, US $ 37,6 milhões)

15 - Ed Sheeran (Reino Unido, US $ 37 milhões)

16 - Fernando Alonso (Espanha, 36 milhões de dólares)

18 - Gareth Bale (Reino Unido, 34 milhões de dólares)

18 - Conor McGregor (Irlanda, US $ 34 milhões)

20. Zlatan Ibrahimovic (Suécia, US $ 32 milhões)