Mais lidas
Esportes

Encostados com Cuca devem ganhar chance

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Preteridos por Cuca, o volante Felipe Melo, o meia Alejandro Guerra e o atacante Borja devem ganhar mais oportunidades no Palmeiras com o auxiliar técnico Alberto Valentim, substituto do técnico que deixou o clube na última sexta-feira (13).

Em razão do pouco tempo de preparação, eles devem começar no banco de reservas no duelo contra o Atlético-GO, marcado para este domingo (15), às 17h, em Goiânia, mas a tendência é que os três jogadores ganhem a titularidade diante da Ponte Preta, jogo que será realizado na quinta (19) no Pacaembu.

Contratação mais cara da história do Palmeiras -custou R$ 33 milhões, pagos pela Crefisa-, o atacante colombiano amargou o banco de reservas nas dez últimas partidas em que esteve à disposição do antigo treinador.

No total, atuou pouco mais de 90 minutos. A última vez que começou como titular foi na derrota do Palmeiras para o Atlético-PR, quando Cuca escalou uma formação praticamente reserva.

A atitude do ex-treinador com o colombiano irritou parte da diretoria e, principalmente, a empresa, que também deposita R$ 200 mil mensais para ajudar a pagar o salário do centroavante. Ambos queriam que Cuca desse mais oportunidades para o atacante.

O venezuelano Guerra, outro contratado com a ajuda da Crefisa -custou R$ 11, 8 milhões- também deve ganhar mais espaço. Ele até era titular com Cuca, mas ficou no banco nas últimas quatro partidas, sendo que entrou apenas em uma.

Já Felipe Melo, que teve um desentendimento com o ex-treinador no final de julho e quase foi negociado, é outro candidato para ganhar uma vaga. Ele foi reintegrado no início de setembro e só foi utilizado durante o empate diante do Bahia na última quinta-feira -jogo que determinou a queda de Cuca.

Outro que corre por fora e também deverá ser escalado por Valentim é Michel Bastos.

Contratado no início da temporada, o jogador começou bem e era usado no setor ofensivo pelas beiradas do campo, principalmente, pelo lado direito. Ele é canhoto.

Com a chegada de Cuca, porém, foi preterido e, depois passou a brigar por vaga na lateral esquerda, posição em que iniciou a carreira.

Fez quatro jogos como titular após Egídio ser poupado em razão do pênalti perdido na Copa Libertadores. Depois da sequência, retornou ao banco, sentiu uma lesão e não atua há quase 50 dias.

NA TV

Atlético-GO x Palmeiras

17h Globo

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber