Mais lidas
Esportes

Após derrota para o Grêmio, Fluminense desembarca sob protesto de torcedores

.

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - Cerca de 20 integrantes de uma facção do Fluminense foram até o aeroporto Santos Dumont, no Rio, para protestar no desembarque do time após a derrota por 1 a 0 para o Grêmio, na noite deste domingo (1º).

A insatisfação se deve ao fato de a equipe carioca não vencer há cinco rodadas no Campeonato Brasileiro.

Os principais alvos foram o volante Wendel e o presidente Pedro Abad. O dirigente parou para falar com alguns torcedores e pediu para que eles ajudassem nas arquibancadas.

O técnico Abel Braga também tentou esfriar os ânimos do grupo, que chamou o time tricolor de "sem vergonha". O zagueiro Henrique também foi abordado e parou para dialogar com os membros da organizada.

Após a partida com o time gaúcho, o Fluminense tem um longo tempo de treinos até o dia 12 de outubro, quando terá clássico com o Flamengo, válido pela 27ª rodada do Brasileiro.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber