Mais lidas
Esportes

São Paulo reclama de falta em gol do Corinthians e diz que 'deu aula no líder'

.

BRUNO GROSSI E DASSLER MARQUES

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O São Paulo deixou o campo do Morumbi neste domingo (24) reclamando bastante do lance que originou o gol de empate do Corinthians – as equipes ficaram no 1 a 1. Aos 32min, Rodriguinho tomou a bola de Júnior Tavares na lateral e, na sequência da jogada, Clayson marcou o gol que evitou a derrota do líder Corinthians. Petros e Sidão viram falta.

"Se tem 50 [faltas] dessa na partida, são 50 faltas. [Juiz Wagner do Nascimento Magalhães] Fez uma excelente arbitragem, mas detalhes como esse definem a partida. O cara está protegendo e vem com a carga nas costas. É falta", declarou Petros logo após o apito final.

Já o goleiro Sidão foi mais contido na reclamação, mas não deixou de criticar a decisão do árbitro: "Ele fez uma proteção de bola, não sei se ouve um puxão do Rodrigo, na frente do árbitro... Ele não deu falta, seguiu o lance e acabou saindo o gol".

Ainda de acordo com Petros, o São Paulo deu uma aula de futebol no Corinthians e merecia ter saído de campo com a vitória.

"Feliz pelo desempenho da equipe, fomos muito superiores. Demos uma aula de como se joga futebol. Vamos ver o que vão comentar hoje. São Paulo é time de rebaixamento, né? Mas demos uma aula no primeiro colocado. Merecemos, lutamos, envolvemos o adversário. O resultado não vem, mas é seguir trabalhando. Sinceramente uma pena", completou.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber