Mais lidas
Esportes

Sebastian Vettel explica contrato longo com Ferrari

.

JULIANNE CERASOLI

STUTTGART, ALEMANHA (UOL/FOLHAPRESS) - O anúncio da continuidade de Sebastian Vettel na Ferrari pelas próximas três temporadas surpreendeu o paddock no final de semana do GP da Bélgica. Afinal, esperava-se que o alemão buscasse ficar livre no final do ano que vem, quando vários contratos acabam, especialmente o atual acordo de Lewis Hamilton com a Mercedes. Mas o tetracampeão explicou que ainda não chegou onde queria com o time de Maranello. “De certa forma, é bom parar com as perguntas. Estou muito feliz. Eu gosto muito desta equipe, é uma grande inspiração para mim desde quando eu era criança e via Michael [Schumacher] de vermelho”, afirmou o piloto, ouvido pelo UOL Esporte, em Spa. “Traçamos a meta há anos de trazer a Ferrari de volta ao topo e acho que estamos em um bom caminho, mas ainda não chegamos onde poderíamos. Estamos lutando para estar no topo. Acho que a missão não acabou ainda. Eu e esse time ainda temos muito a conquistar juntos.”

Vettel afirmou ainda que o clima interno na Ferrari pesou na decisão de prolongar o contrato. “Somos uma boa combinação e eu estou muito feliz.

A paixão que eu sinto aqui é algo que eu nunca senti. Então por que mudar? Fico muito feliz em continuarmos trabalhando juntos.”

Isso não quer dizer, contudo, que o alemão não sondou suas possibilidades fora de Maranello. Niki Lauda afirmou que houve conversas entre o piloto e a Mercedes, mas elas acabaram “assim que ficou claro que ele queria ficar na Ferrari.” O time italiano também anunciou na semana passada a renovação, por um ano, com Kimi Raikkonen.

Vettel é o líder do campeonato, com sete pontos de vantagem para Lewis Hamilton. A 13ª etapa do campeonato será realizada já neste final de semana, na Itália.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber