Mais lidas
Esportes

Inter encara o Paysandu para recuperar liderança da Série B após 21 jogos

.

MARINHO SALDANHA

PORTO ALEGRE, RS (UOL/FOLHAPRESS) - Vinte e um jogos se passaram desde que a única rodada em que o Inter terminou na liderança da Série B aconteceu. Foi ao vencer o Londrina por 3 a 0, na estreia da competição. Até esta sexta-feira (25), quando o Inter encara o Paysandu a partir das 21h30 (de Brasília) no Beira-Rio e depende apenas de uma vitória para reaver o primeiro lugar.

São mais de três meses sem o primeiro lugar. A arrancada indicou que o time vermelho poderia ter certa facilidade na segunda divisão. E na avaliação dos jogadores isso foi até ruim.

A expectativa gerada na torcida não condizia com o que apresentaria o campeonato. Fazer 3 a 0 no Londrina criou uma realidade equivocada de que o Inter conseguiria "passar por cima" de qualquer adversário. E nos tropeços que seguiram, protesto e mais protestos aconteceram.

"Talvez aquela vitória tenha criado um sentimento de que seria fácil. Quando a gente sabia que não era nada disso", disse o goleiro Danilo Fernandes às vésperas do jogo do returno contra o Londrina, cujo placar foi novamente vitória do Inter.

Exatamente contra o Paysandu, o Inter teve o segundo resultado negativo em série no primeiro turno e Antonio Carlos Zago foi demitido.

Mas o momento é totalmente diferente. Nesta sexta (25), com o empate na terça-feira entre América-MG e Criciúma em 0 a 0, uma vitória simples dá ao time gaúcho o primeiro lugar na competição. E o Inter vem de cinco vitórias consecutivas na competição.

"E vamos em busca da liderança, sim. É algo maior, algo grande que temos no campeonato, então não podemos relaxar. Se não ganharmos também, vamos ter calma porque tem muito pela frente", disse Danilo Fernandes.

Em casa, o time gaúcho espera perto de 40 mil pessoas para acompanhar o jogo.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber