Mais lidas
Esportes

Arquirrival aposta que Usain Bolt voltará a correr

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A despedida atribulada em Londres deve fazer com que Usain Bolt volte ao atletismo para "corrigir" o desfecho.

A aposta é do americano Justin Gatlin, 35, que neste sábado (12) conquistou a medalha de prata com sua equipe no revezamento 4 x 100 m no Mundial de Londres.

"Eu vou ganhar um milhão de dólares. Bolt vai voltar em dois anos. Ele estará pronto, porque tem paixão pelo esporte. Ama os fãs e eles amam Bolt", afirmou o velocista.

Gatlin sagrou-se campeão mundial dos 100 m no domingo passado (6) ao relegar Bolt ao bronze na distância. Ambos protagonizaram as disputas de velocidade nos últimos anos e, à exceção do campeonato em Londres, o jamaicano sempre prevaleceu.

"Usain ama demais o esporte para abandoná-lo. Ele é um 'showman'", disse.

Para o americano, o clima frio em Londres contribuiu para a lesão do rival na final do revezamento 4 x 100 m.

Acostumado a títulos -ostenta oito ouros olímpicos e 11 em Mundiais -, Bolt viu em Londres seu desempenho menos reluzente desde que despontou no cenário internacional, em 2007.

Além das medalhas, ele detém dois recordes dos 100 m (9s58), dos 200 m (19s19) e do 4 x 100 m (36s84).

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber