Mais lidas
Esportes

Botafogo encara o Nacional perto de romper barreira das oitavas de final

.

MARCOS PEREIRA

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Botafogo enfrenta o Nacional (URU) nesta quinta-feira, às 19h15, tentando romper uma barreira importante na Taça Libertadores. A equipe brasileira joga para passar das oitavas de final e superar as suas últimas duas campanhas no torneio sul-americano.

As últimas duas participações do Botafogo na competição não foram nada animadoras. Em 1996, a equipe foi eliminada no "mata-mata" pelo Grêmio e, em 2014, caiu ainda na fase de grupos.

As melhores campanhas do Botafogo aconteceram há mais de 40 anos, mas em sistemas de disputas bem diferentes dos atuais. Em 1963, parou na semifinal contra o Santos e, em 1973, foi eliminado em um triangular seminal que pôs o Colo Colo na decisão.

Para avançar, o Botafogo precisa de apenas um empate no Engenhão. Na ida, em Montevidéu, o time dirigido por Jair Ventura ganhou por 1 a 0.

Mesmo assim, o treinador não quer pensar na vantagem alvinegra. "Temos uma pequena vantagem, mas temos que pensar nela só no final da partida. Temos exemplos de várias equipes que sentaram no placar e acabaram perdendo. Temos que esquecer a vantagem."

O único desfalque do Botafogo é o lateral-direito Arnaldo, que será substituído por Luís Ricardo. No gol, Gatito Fernández ficou com a vaga, enquanto Jefferson vai para o banco de reservas.

BOTAFOGO

Gatito Fernández; Luís Ricardo, Joel Carli, Rabello, Victor Luís; Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes, Bruno Silva, João Paulo; Rodrigo Pimpão, Roger. T.: Jair Ventura

NACIONAL (URU)

Conde; Fucile, Rogel, Polenta, Espino; Arismendi, González, Rodríguez; Viudez, Aguirre, Fernández. T.: Martín Lasarte

Estádio: Engenhão, no Rio de Janeiro

Horário: 19h15 desta quinta-feira

Juiz: Wilmar Roldán (COL)

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber