Mais lidas
Esportes

Cruzeiro vence o Vasco, põe fim ao jejum de vitórias e se aproxima do G-6

.

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - Sem se intimidar por estar fora de casa, o Cruzeiro foi soberano contra o Vasco, nesta quinta-feira (3), no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ). O time mineiro venceu por 3 a 0, com gols de Thiago Neves, Sassá e Robinho, e pôs fim a um jejum de vitórias que já durava quatro partidas, sendo três no Campeonato Brasileiro e uma na Copa do Brasil. De quebra, os mineiros se aproximaram do G-6.

O Vasco, por sua vez, acumulou sua segunda derrota consecutiva no local escolhido para mandar seus jogos após a punição da perda de seis mandos imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva por conta dos graves incidentes no clássico com o Flamengo.

Na última segunda-feira, a equipe carioca já havia perdido para o Atlético-PR. O resultado mostra que não é nada animadora a situação do Vasco quando atua fora de São Januário. Desde que começou a cumprir punição por causa do comportamento de seus torcedores no clássico contra o Flamengo, a equipe ganhou só um ponto em nove disputados -empatou com o Santos em um duelo com portões fechados no Engenhão.

A partida desta quinta também mostrou a impaciência da torcida do Vasco. Ainda no primeiro tempo, houve manifestação, pedindo a volta de Nenê e soltando o já tradicional grito de "Fora, Eurico!". No fim do jogo, cantaram "time sem vergonha!".

Na sequência do Campeonato Brasileiro, a situação do Vasco não é nada fácil. Fechando o primeiro turno, a equipe do técnico Milton Mendes enfrenta a Ponte Preta, em Campinas, no domingo. Já o Cruzeiro tentará embalar no Mineirão, no mesmo dia, diante do Botafogo.

VASCO

Martín Silva; Gilberto, Rafael Marques, Lucas Rocha; Henrique (Manga Escobar); Jean, Wellington (Thalles), Escudero, Wagner (Andrés Rios); Paulinho; Paulo Vitor. T.: Milton Mendes

CRUZEIRO

Fábio; Lucas Romero, Léo, Murilo, Bryan; Henrique, Lucas Silva, Elber (Robinho), Rafinha, Thiago Neves (Rafael Sóbis); Sassá (Raniel). T.: Mano Menezes

Estádio: Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ)

Juiz: Vinicius Gonçalves Dias Araújo (SP)

Cartões amarelos: Rafael Marques, Gilberto, Paulo Vitor (Vasco); Lucas Silva (Cruzeiro)

Gols: Thiago Neves, aos 2min do primeiro tempo; Sassá, aos 18min do primeiro tempo; Robinho, aos 42min do segundo tempo

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber