Esportes

SP de Dorival embala contra times do G-10 e dá resposta contra rebaixamento

.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Pela primeira vez em seis rodadas, o São Paulo inicia a semana fora da zona do rebaixamento. A vitória de virada contra o Botafogo no último sábado (29) serviu como um recado contra o rebaixamento. Sob o comando de Dorival Junior, a equipe embalou contra adversários com objetivos muito mais ousados dentro do Campeonato Brasileiro.

O próprio ambiente interno da equipe melhorou com os três últimos resultados. Até quem chegou agora, como o decisivo Hernanes, já atesta uma mudança de comportamento, fruto do aumento de confiança pela sequência invicta dentro da Série A.

"Pegamos três jogos complicados contra Vasco, Grêmio e Botafogo e mostramos poder de reação. Estamos evoluindo dentro do que o Dorival vem pedindo. Do jeito que foi a vitória, o grupo se fortalece para os próximos jogos. (...) Esse inconsciente coletivo de que vamos embalar ajuda, e temos de ir nessa onda aí.", afirmou Hernanes.

A sequência positiva da última semana começou com o triunfo por 1 a 0 sobre o Vasco, no Morumbi. A equipe do Vasco, que entra em campo nesta segunda-feira (31) para enfrentar o Atlético-PR, no Rio de Janeiro, ocupa a oitava colocação na tabela –o time vai ficar a um ponto do G-6 em caso de vitória sobre os paranaenses.

Depois do triunfo sobre os cariocas, o São Paulo arrancou um empate por 1 a 1 com o Grêmio, novamente em casa. Mesmo diante do vice-líder, que controlou boa parte do jogo no Morumbi, a equipe de Dorival Júnior sustentou e arrancou um ponto fundamental na briga contra as últimas posições.

O ápice da retomada de confiança, contudo, veio no último sábado (29). O São Paulo perdia por 3 a 1 para o Botafogo até os 39min do segundo tempo, quando Hernanes e Marcos Guilherme (duas vezes) viraram a partida e deram a vitória contra o embalado time de Jair Ventura, que, dias antes, eliminou o Atlético-MG da Copa do Brasil.

De volta do Rio de Janeiro, a equipe tem a chance de crescer ainda mais sob o comando do novo treinador e afastar-se da zona mais indesejada da tabela. Décimo quinto colocado depois de 17 partidas, o time tricolor recebe na quinta-feira (3), às 19h30 (de Brasília), o Coritiba.