Mais lidas
Esportes

Inter evita protesto e fecha treino para jogo contra o Oeste

.

PORTO ALEGRE, RS (UOL/FOLHAPRESS) - O Internacional terá apenas um treinamento em Porto Alegre para o jogo que pode decidir a permanência do técnico Guto Ferreira no clube. E ninguém, além dos profissionais do clube, pôde acompanhar a atividade desta segunda-feira (24). Com as portas do Beira-Rio

fechadas, o clube evita qualquer manifestação da torcida.

A informação sobre um possível protesto contribuiu na busca pela reclusão. Comissão técnica e jogadores do Internacional foram até o Beira-Rio após atividade na academia, que fica no CT Parque Gigante, para treinar. O translado é curto, apenas cruzar uma rua.

No estádio, a entrada de estranhos ao dia a dia do Inter era impedida por seguranças e proteção. Não houve qualquer movimentação de torcida nos portões, algo que já ocorreu em outros momentos.

A situação tensa é reflexo da campanha do Inter na Série B. Em 6º com 24 pontos, o Colorado perdeu para o Vila Nova-GO no último sábado e depende de uma vitória convincente para não trocar de treinador já nesta terça, diante do Oeste.

BAIXAS

O técnico do Inter, Guto Ferreira, perdeu três titulares por suspensão. Claudio Winck, Victor Cuesta e Rodrigo Dourado não podem enfrentar os paulistas. A tendência aponta para as entradas de Fabinho, Klaus e Charles em seus lugares, respectivamente.

Por outro lado, Edenílson volta ao meio. O Inter ainda aguarda a condição legal de Camilo, que pode fazer sua estreia tendo apenas uma atividade com os novos colegas após chegar do Botafogo.

CAMILO

Através de seu site oficial, o Inter confirmou a contratação do meia Camilo, ex-Botafogo. O jogador teve rescisão de contrato com o clube carioca publicada no Boletim Informativo Diário (BID) mais cedo e está desde a última sexta-feira em Porto Alegre.

Camilo chega ao Inter em definitivo, e 50% dos direitos econômicos seguem com o Botafogo. O time carioca recebeu o empréstimo de Brenner e mais 20% dos direitos econômicos do centroavante. Além do perdão de uma dívida de R$ 500 mil referentes ao lateral Marcelo Cordeiro.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber