Mais lidas
Esportes

Alemanha segue com laboratório e troca até goleiro contra o Chile

.

FÁBIO ALEIXO

MOSCOU, RÚSSIA (FOLHAPRESS) - O técnico da Alemanha, Joachim Löw, afirmou antes da Copa das Confederações que usaria o torneio para fazer testes sem se preocupar em ganhar o título.

Ele tem levado tão a sério este discurso que no duelo desta quinta (22) contra o Chile, às 15h (de Brasília), em Kazan, irá mudar até o goleiro. Bernd Leno, que falhou no segundo gol no triunfo por 3 a 2 sobre a Austrália, dará lugar a Ter Stegen, titular absoluto do Barça.

Nas outras posições, o treinador faz mistério, mas atletas mais experientes como Kimmich, Mustafi e o capitão Draxler devem ser mantidos na equipe titular.

"Não tem sentido mexer sete ou oito posições contra o Chile, mas quatro ou cinco, por que não? O importante é que todos os jogadores tenham chance de jogar nesse nível. É muito importante para o desenvolvimento deles", afirmou o técnico alemão.

O duelo opõe as duas seleções que venceram na primeira rodada do Grupo B. Por isso, o vencedor desta quinta (22) estará praticamente assegurado na semifinal. A outra partida da chave, às 12h, terá a Austrália enfrentando Camarões em São Petersburgo.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber