Facebook Img Logo
Mais lidas
Esportes

Cabral propôs delatar propina ao COI para Rio sediar Olimpíada, diz revista

.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), fez uma proposta de delação premiada ao Ministério Público Federal no início deste ano em que prometia, entre outras coisas, detalhar uma reunião em que ele, o ex-prefeito Eduardo Paes (PMDB) e o ex-presidente Lula (PT) teriam autorizado o empresário Arthur César Soares de Menezes a pagar propina para o COI (Comitê Olímpico Internacional). O objetivo seria garantir que a cidade carioca fosse a sede dos Jogos Olímpicos de 2016. A informação foi publicada pelo site da revista "Piauí"​.

A proposta de delação de Cabral trazia um relato resumido da reunião, que teria acontecido em 2009. Os procuradores, porém, consideraram que o ex-governador não estava contando o suficiente, e as negociações para a concretização do acordo não avançaram.

Arthur César Soares de Menezes já foi alvo de matéria do jornal francês "Le Monde", que apontou que o MP daquele país descobriu que o empresário brasileiro pagou US$ 1,5 milhão ao presidente da Iaaf (Associação Internacional de Federações de Atletismo), Lamine Diack, três dias antes da votação que definiu o Rio como sede dos Jogos. O dirigente teria distribuído parte do dinheiro a outros membros do painel de votação.

Sérgio Cabral está preso desde novembro de 2016, em 13 de junho deste ano foi condenado em primeira instância pelo juiz Sergio Moro a 14 anos e dois meses de prisão, por corrupção e lavagem de dinheiro, no âmbito da Operação Lava Jato.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Esportes

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber