Mais lidas
Esportes

Atlético-PR faz gol no início e segura vitória

.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Em confronto direto contra o rebaixamento, Atlético-GO e Atlético-PR se enfrentaram neste sábado (17), em Goiás. O time do Paraná não jogou bem, foi muito pressionado pelo adversário, mas venceu por 1 a 0. Já o time da casa perdeu muitas chances de gol, inclusive um pênalti, e não conseguiu sequer o empate.

O resultado tira o Atlético-PR da zona de rebaixamento por enquanto. O time tem oito pontos, mas ainda pode ficar na zona da degola até o final desta rodada. Já o Atlético-GO ficou com seis pontos, provisoriamente em 17º.

O jogo começou em um ritmo alucinante. Primeiro o Atlético-PR fez gol com Sidcley, aos 3min de jogo, e também desperdiçou chances de gol com Douglas Coutinho e Nikão. Depois tudo mudou: começou uma pressão total do Atlético-GO, com bola no travessão, defesas de Wéverton e até um pênalti a favor -mas Everaldo chutou para fora.

O Atlético-PR foi para o segundo tempo com duas substituições, mas na prática nada mudou. O Atlético-GO continuou melhor no jogo e por pouco Igor e Andrigo não empataram o jogo logo no início. Depois o time de Curitiba se retrancou melhor, evitou grandes sustos e encaixou esporádicos contra-ataques perigosos. O goleiro Felipe brilhou. Nos minutos finais a posse de bola continuou com o Atlético-GO, que foi parado por Wéverton nas principais tentativas.

Agora o Atlético-GO terá dois jogos para fazer fora de casa, contra Palmeiras e Vasco. Já o Atlético-PR receberá o São Paulo e o Vitória em Curitiba.

ATLÉTICO-GO

Felipe Garcia; André Castro, Eduardo Bauerrmann, Roger Carvalho e Bruno Pacheco; Igor (Diego Rosa), Marcão; Breno Lopes (Walter), Jorginho e Andrigo (Luiz Fernando); Everaldo. T.: Doriva

ATLÉTICO-PR

Weverton; Jonathan, Wanderson, Thiago Heleno e Nicolas (Rossetto); Otávio e Deivid (Bruno Guimarães) ; Douglas Coutinho, Nikão e Sidcley; Grafite (Pablo). T.: Eduardo Baptista

Gol: Sidcley (CAP), aos 3min do 1º tempo

Cartões amarelos: Grafite (CAP), Thiago Heleno (CAP), Deivid (CAP), Marcão (AGO), Nikão (CAP), Bruno Guimarães (CAP)

Local: Estádio Olímpico Pedro Ludovico

Juiz: Bruno Arleu de Araújo (RJ)

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber