Mais lidas
Esportes

Espanha e Colômbia empatam em noite de recorde de Falcao García

.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O Estádio Nueva Condomina, em Murcia, na Espanha, foi palco de um recorde para a seleção colombiana. No empate por 2 a 2 no amistoso entre Espanha e Colômbia desta quarta-feira (7), o atacante Falcao García se isolou como maior artilheiro da história de seu país ao marcar por sua seleção pela primeira vez desde 2015. David Silva e Morata marcaram pelos espanhóis, enquanto Cardona fez o outro dos sul-americanos.

A Espanha começou melhor a partida, largando na frente aos 21min, com David Silva. O meia do Manchester City recebeu cruzamento da direita dentro da pequena área e só teve o trabalho de empurrar para as redes. No meio da jogada, Iniesta deu um susto, caindo no chão na intermediária e precisando de atendimento médico por dores no joelho. O jogador do Barcelona chegou a deixar o gramado, mas se recuperou rapidamente e voltou ao jogo.

A Colômbia reagiu aos 38min, após uma falha coletiva da defesa espanhola. A bola acabou espirrada entre o goleiro Reina, o lateral Azpilicueta e o zagueiro Piqué. Nenhum deles afastou-a dentro da área, então Cardona se antecipou e tocou por cobertura para empatar logo antes do intervalo.

Os espanhóis mostraram superioridade, criando mais chances de gol, mas parando em Ospina. Os colombianos aproveitaram a ineficiência dos rivais, virando o jogo aos 9min com Falcao García. O centroavante do Monaco aproveitou um escanteio e mandou para as redes de Reina. De quebra, se isolou como maior artilheiro da história de sua seleção, com 26 gols, deixando para trás Arnoldo Iguarán, que tinha 25. A Espanha ainda empatou aos 42min, com cabeçada de Alvaro Morata após cruzamento vindo do lado esquerdo.

Enquanto a Colômbia terá mais uma amistoso pela frente, contra Camarões, a Espanha se prepara para encarar a Macedônia no domingo (11), na Philip II Arena, pela sexta rodada do Grupo G das eliminatórias europeias para a Copa do Mundo de 2018.

PALMEIRENSES

Convocados para a seleção colombiana, os palmeirenses Miguel Borja e Yerry Mina não foram aproveitados para o amistoso contra a Espanha. O técnico José Pekerman realizou seis substituições no jogo, mas em nenhuma delas aproveitou os jogadores do clube alviverde, que ficaram no banco.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber