Mais lidas
Esportes

Murray e Wawrinka vencem, e Roland Garros repete 3 semifinalistas de 2016

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Com as vitórias de Andy Murray, Stan Wawrinka e Dominic Thiem nesta quarta-feira (7), Roland Garros repete três dos quatro semifinalistas de sua edição do ano passado.

Na segunda bateria de jogos do dia pela chave masculina, o britânico Murray, 30, bateu o japonês Kei Nishikori de virada, por 3 sets a 1, com parciais de 2/6, 6/1, 7/6 (7/0) e 6/1. Já o suíço Wawrinka, 32, teve menos dificuldade para eliminar o croata Marin Cilic, em três sets, com parciais de 6/3, 6/3 e 6/1.

Mais cedo, Thiem, 23, conseguiu a grande façanha da rodada ao dar o troco em Novak Djokovic, despachando o atual campeão do Grand Slam. Ele agora vai desafiar o espanhol Rafael Nadal, que contou com a desistência de seu compatriota Pablo Carreño-Busta, ainda no segundo set.

Nove vezes campeão sobre o saibro em Paris, Nadal é curiosamente a novidade das semifinais deste ano, ocupando vaga que ficou com Djokovic no ano passado. Na ocasião, lesionado, ele abandonou o torneio antes de jogar a terceira rodada.

Murray e Wawrinka vão fazer uma revanche. Em 2016, o britânico saiu vencedor por 3 sets a 1, com parciais de 6/4, 6/2, 4/6 e 6/2. Na final, o atual número um do mundo acabou derrotado por Djokovic.

Entre os semifinalistas, além de Nadal, Wawrinka também já foi campeão em Roland Garros, triunfando na final de 2015. Aos 32 anos e 75 dias, ele é o mais velho a alcançar esta fase do torneio desde o legendário norte-americano Jimmy Connors em 1985.

Murray, por sua vez, busca na capital francesa seu terceiro Grand Slam de sua carreira, após conquistas de Wimbledon (2013 e 2015) e Aberto dos Estados Unidos (2012). Já Thiem, o mais jovem da lista, ainda joga pelo seu primeiro título neste patamar.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber