Mais lidas
Esportes

City e United farão doação conjunta a vítimas do terror em Manchester

.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Rivais dentro de campo, Manchester City e Manchester United decidiram fazer uma doação conjunta às vítimas do ataque terrorista na saída do show de Ariana Grande, na cidade do norte da Inglaterra, que deixou 22 mortos e vários feridos.

Ambos os times vão doar, juntos, 1 milhão de libras esterlinas (aproximadamente R$ 4 milhões de acordo com a cotação atual) em uma ação que denominaram "#ACityUnited". O dinheiro vai para o fundo de emergência especialmente criado para dar suporte às vítimas do atentado ocorrido na última segunda-feira (22).

"Nós estamos impactados com a solidariedade e força demonstrada pelo povo de Manchester nos dias pós o ataque. A esperança dos times da cidade (City e United) é que a nossa doação contribua de alguma forma para aliviar diretamente aqueles que foram afetados e os ajudem a enfrentar os desafios", disse o dono do Manchester City, Khaldoon Al Mubarak.

O presidente executivo do Manchester United, Ed Woodward, disse que era o mínimo que as duas equipes poderiam fazer depois dos momentos de terror.

"A barbaridade do ataque de segunda-feira à noite chocou a todos. Nossos clube estão no centro das comunidades locais de Manchester e é justo apresentas uma resposta unificada à esta tragédia", falou o mandatário.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber