Esportes

Flamengo encerra dívida de R$ 17 milhões com Ronaldinho Gaúcho

.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O Flamengo quitou a dívida de R$ 17 milhões que tinha com Ronaldinho Gaúcho. O clube divulgou em seu balanço trimestral que a última parcela foi paga.

Em 2016, o Flamengo entrou em acordo com Ronaldinho Gaúcho de que pagaria R$ 17 milhões devidos ao jogador com uma quantia à vista de R$ 5 milhões e o restante em parcelas, quitadas no começo de 2017. A última delas foi no valor de R$ 1,2 milhão.

O Flamengo divulgou o fim da dívida no balanço do primeiro trimestre do ano. "A redução do saldo é explicada pela liquidação da última parcela do acordo firmado com o jogador Ronaldo de Assis Moreira (Ronaldinho), no montante R$ 1.200", diz o relatório.

A dívida era em relação à cobrança de salários atrasados e direitos de imagem da época em que o jogador atuou pelo clube carioca, de 2011 a 2012.

Em fevereiro de 2016, quase quatro anos após deixar o Flamengo, Ronaldinho Gaúcho e o clube carioca entraram em acordo para encerrar a ação judicial. O jogador chegou a cobrar R$ 40 milhões do Flamengo, mas o montante acabou ficando em R$ 17 milhões.